Pular para o conteúdo

Unidades de Saúde abrem aos sábados e entregam exames em até uma hora

 O prefeito Marcus Alexandre visitou no sábado, 18, duas das cinco Unidades de Referência de Atenção Primária (Uraps), que atendem aos sábados desde o início de 2013: Uraps Augusto Hidalgo de Lima no Palheiral e Cláudia Vitorino, no Taquari.  As visitas, de acordo com o prefeito servem para avaliar o resultado da implantação de novidades na rede pública de saúde da capital, como a ampliação do horário funcionamento, que passou a ser das 7h às 19h e a agilidade no resultado dos exames, que são entregues com menos de uma hora.  “Nas unidades podemos ver in loco que as mudanças deram certo. Perto do meio dia de sábado e o atendimento está normal, sem filas, com médicos à vontade, exames e medicamentos”.

 As Uraps que atendem aos sábados e durante a semana das 7 às 19 horas são: Cláudia Vitorino (Taquari), Rosângela Pimentel (Calafate), Augusto Hidalgo de Lima (Palheiral) Roney Meireles (Adalberto Sena) e São Francisco (São Francisco). O horário de atendimento aos sábados das 7h às 13h, agradou a quem trabalha a semana inteira e só pode procurar o serviço de saúde no sábado, como a balconista Maria Juliana. “Saio do trabalho sábado meio dia e aproveitei esse para vir aqui me consultar. Não tinha quase ninguém e fui atendida logo”.
 
Exame agilizado

 Agora a Urap Cláudia Vitorino, no Taquari, passou a oferecer exames como os de sorologia e hemogramas, em até uma hora, o que antes levava até cinco dias. Segundo o prefeito, o resultado dos exames saindo mais rápido é fundamental, para agilizar o diagnóstico médico, como nos casos de dengue, por exemplo. “Com mais médicos, atendendo mais horas e inclusive aos sábados, garantimos que todos tenham acesso às consultas e agora agilizamos inclusive os exames, o que vai dar mais segurança para pacientes e médicos”, relata o prefeito.
Além da maior agilidade nos exames, outra novidade é que os pacientes que recebem fichas azuis e verdes nas UPAs do Segundo Distrito e Tucumã, poderão ser atendidas nas Uraps. O secretário adjunto de Saúde de Rio Branco, Oteniel Almeida, diz que a medida vai desafogar as UPAs, que ficarão exclusivamente com atendimentos de alta complexidade.

Mais médicos

 Trinta e oito profissionais do Programa Mais Médico estão atendendo nas unidades de saúde de Rio Branco. Oteniel Almeida, diz que os médicos foram distribuídos de forma que todas as unidades foram contempladas. Ele relata que nas cinco Uraps onde o horário foi estendido, oito médicos se revezam por turno.

 O médico Marcelus Negreiros, diz que as novidades implantadas, garantem melhoria para os pacientes e os profissionais da saúde. “Com mais tempo para atender, podemos fazer um melhor diagnóstico e agora com os exames saindo em menos de uma hora é mais uma ferramenta que nos auxilia”, destaca o médico.