Pular para o conteúdo

Cooperacre apresenta seus produtos da Amazônia em evento de negócios na Alemanha

A feira internacional de negócios do setor orgânico, a Bio-fach, realizada na Alemanha, teve a participação da Cooperativa Central de Comercialização Extrativista do Estado do Acre (Cooperacre). Esta é a primeira vez que a cooperativa tem a oportunidade da feira.

Com 2,5 mil famílias associadas, 30 associações e cooperativas filiadas, a Cooperacre produz castanha, polpa de frutas e látex. De acordo com a produtora, extrativista e diretora da Cooperacre, Maria de Fátima do Nascimento essa é uma oportunidade de agregar valor ao trabalho dos agricultores familiares.

“Na feira internacional, queremos captar outros mercados, para produzir mais, aumentar nosso estoque, melhorar nossa cooperativa. Já participamos de feiras nacionais, estamos prospectando mercado em vários estados do Brasil e queremos inserir o produto no mercado internacional”, confirma.

Maria de Fátima destaca o aumento da produtividade da cooperativa em 2014. “Temos duas indústrias de castanha e estamos concluindo a terceira, o processamento mensal vai passar de 100 mil toneladas para 400 mil toneladas de castanhas”.

Internamente, o produto é vendido para 12 estados (Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, São Paulo, Goiás, Minas Gerais, Rio Grande Norte, Ceará, Pernambuco, Distrito Federal e Mato Grosso do Sul), sendo 500 toneladas para uma das maiores empresas do mundo de alimentos e usadas na fabricação de barras de cereais, granola e biscoitos. As vendas começam no mês de março, pois a cooperativa compra toda a castanha dos produtores no período de dezembro a meados de fevereiro, quando ocorre a colheita.

Os produtos da Cooperacre têm o Selo da Agricultura Familiar e o Ecocert, certificado orgânico internacional, válido para a União Europeia, EUA e Brasil.

Os associados têm o suporte de engenheiros agrônomos da cooperativa para a preservação do meio ambiente e sobre a importância, para a própria atividade extrativista, da conscientização ambiental dos produtores.

Mais sobre a Biofach
A Biofach recebe cerca de 30 mil visitantes a cada edição e este ano aconteceu de 12 a 15 de fevereiro. Foram 13 os empreendimentos da agricultura familiar brasileira participantes do evento. A exposição das cooperativas será no Pavilhão do Brasil – Agricultura Familiar, com 112 m² – e teve representantes do AC, BA, MG, PA, PE, PI, RS e RO.  

A participação desses empreendimentos é coordenada pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), com o apoio do Ministério das Relações Exteriores (MRE) e da Embaixada do Brasil em Berlim.