Gazetinhas 12/04/2014

* Ufa!

* Sexta-feira esquisita, pesada, cheia de bafões…

* Pra começar, a solidariedade desta GAZETA aos colegas da TV Gazeta, especialmente ao produtor Jardel Angelim.

* Ontem, numa manhã comum de trabalho, o jornalista recebeu a visita nada amistosa do presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Acre, Adriano Marques, requerendo direito
de resposta sobre material produzido pela TV.

* Até aí, tudo bem. Viva a democracia, viva o direito de defesa de todo cidadão!

* Porém, ao que consta, o presidente do Sindicato estava bem mais exaltado do que deveria.

* E detalhe: armado.

* Em meio a acusações diversas à emissora e aos jornalistas presentes, ameaçou chamar o restante da categoria para invadir o prédio da empresa.

* Hã? Cuma? O que é isso, companheiro?

* Não fosse a intervenção equilibrada do editor Gabriel Rotta, a m… poderia ter sido grande.

* Enfim, atitude injustificável. Abominável sob todos os aspectos.

* Ainda sobre direito de resposta, o telefone toca.

* É o secretário de Comunicação do Governo, Leonildo Rosas.

* Porém, educado, amistoso, sensato.

* (Faço questão de enaltecer).

* Ligou para esclarecer nota publicada na coluninha, enviada por um leitor crítico e fiel, a respeito da compra das tais cinco mil bicicletas elétricas pelo Governo do Estado.

* Primeiro, o secretário esclarece que o governo ainda não adquiriu sequer uma bicicleta elétrica, muito menos as cinco mil ditas.

* Explica que a aquisição será feita de acordo com a disponibilidade financeira da Secretaria de Educação. Não contemplando necessariamente esta quantidade.

* Segundo: afirma que o projeto de destinar as bicicletas para uso dos alunos das escolas rurais do Estado não foi criado “do dia para noite”.

* É algo que vem sendo idealizado e estudado há três anos.

* Inclusive, com ampla participação e apoio dos professores e estudantes.

* Terceiro: destaca que mais de 40 empresas tiveram acesso ao edital de licitação para compra das bikes.

* E que o governo “não tem culpa” se somente uma delas apresentou proposta.

* Por último, a respeito da reclamação do leitor sobre as “ruas esburacadas” da cidade:

* O secretário destaca que Rio Branco foi classificada, recentemente, em matéria do G1 nacional, como a cidade do país com maior proporção de ciclovias em relação à malha viária e ao número de habitantes.

* Pronto. Como de costume, está dado o espaço ao Governo do Estado.

* Com a ética e o respeito de sempre.

* Afinal, respeito é bom e todo mundo (governador, leitor, jornalista) gosta e merece.

* Fecha o pano.

* Maíra Martinello.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation