Pular para o conteúdo

Começa o Media Training para magistrados na III Jornada de Estudos ‘Mídia e o Judiciário’

Presidente Roberto Barros e jornalista Eduardo Ribeiro
Presidente Roberto Barros e jornalista Eduardo Ribeiro

O Tribunal de Justiça do Acre realiza, por meio da Escola do Poder Judiciário (Esjud), a III Jornada de Estudos ‘Mídia e o Judiciário’. O evento, voltado para magistrados, foi iniciado na manhã desta segunda-feira, 25,  com a participação do desembargador-presidente Roberto Barros.

“Precisamos estar mais próximos da imprensa e saber usar a nosso favor a mídia, dando visibilidade às ações do Judiciário e aprendendo a usar os recursos de comunicação. Por isso, estamos trazendo um jornalista de renome nacional, Eduardo Ribeiro. Só peço que façam o melhor proveito possível dessa atividade”, destacou Roberto Barros na abertura do evento.

Em seguida, Eduardo Ribeiro já procedeu com o treinamento dos magistrados, realizando entrevistas individuais, que passarão por uma análise conjunta, para que se possa apontar melhorias em termos de entrevistas, postura, respostas, abordagem, linguagem e foco. “Estamos aqui para contribuir com o vosso aperfeiçoamento, para que usem da melhor forma os canais e ferramentas disponíveis”, disse o jornalista especial e apresentador da Rede Record.

Ele também apresentou diversos vídeos (tanto com situações que devem ser evitadas quanto com outras que elogiou).

Importância do treinamento – O treinamento é uma oportunidade para compreender a importância da comunicação do Judiciário com a sociedade bem como entender o papel fundamental desempenhado pela imprensa, nesta aproximação da Justiça com os cidadãos.

O conteúdo programático abrange as seguintes temáticas: aplicações e exemplos da comunicação corporativa; relacionamento com a imprensa; comunicação verbal e gestual e noções de gerenciamento de crise.

Ao realizar este importante evento, o Tribunal de Justiça do Acre segue uma das principais deliberações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que diz respeito ao reconhecimento da Comunicação Social como atividade estratégica no âmbito do Poder Judiciário. (Texto e foto: Agência TJ/AC)