Famílias vítimas da cheia do Rio Acre reclamam da comida e de possível mudança de abrigo

Desabrigados jogam comida fora. (Foto: G1 Acre)
Desabrigados jogam comida fora. (Foto: G1 Acre)

Um grupo de pessoas alojadas no Ginásio do Sesc Bosque realizou uma manifestação, fechando a Avenida Getúlio Vargas, por moradias e por opções nas três refeições diárias servidas no abrigo. Já na escola Glória Perez, o protesto era contra o remanejo das famílias para o Parque de Exposições Marechal Castelo Branco.

Há quase 20 dias, o governo e a prefeitura mantêm 2,2 mil famílias em 15 abrigos públicos, devido o nível do Rio Acre que ainda marca dois metros acima da cota de transbordamento. A recomendação da Defesa Civil é que elas comecem a retornar para suas casas quando o nível atingir os 13 metros, abaixo da cota de alerta.

No primeiro protesto, marmitas foram jogadas no chão.  Sobre a alimentação, os responsáveis do abrigo do Sesc se comprometeram a trocar o fornecedor das refeições. “É muito difícil oferecer uma comida diferenciada todos os dias, oferecemos o básico. Não vejo muitas reclamações. Temos aqui 170 famílias e poucas estão nesse ato. O carro-chefe é questão da moradia. Mas temos que respeitar os procedimentos, há critérios que devem ser obedecidos. Alguns querem voltar para suas casas, mas não é recomendável ainda”, explicou o coordenador do abrigo, Carlos Santiago.

Já a questão na escola Glória Perez, a Secretaria de Articulação afirma que a proposta é encaminhar as famílias para o Parque de Exposições, onde todos os que ainda estão desabrigados devem ficar aguardando a vazante do rio.

Representantes da Secretaria de Habitação (Sehab) devem comparecer à Escola Glória Perez para convencer as famílias de que o local precisa ser desocupada para o retorno das aulas.

“O que está sendo proposto é encaminhá-los para o Parque de Exposições, onde vamos concentrar todas as famílias que estão desabrigadas. Vamos levar as famílias que ainda não têm uma situação propícia para voltar para suas casas”, garantiu.

Assuntos desta notícia