Festival Nacional de Teatro é realizado em Rio Branco

O espetáculo da Cia Visse e Versa abre o Festac. (Foto: Cedida)
O espetáculo da Cia Visse e Versa abre o Festac. (Foto: Cedida)

A sétima edição do Festival Nacional de Teatro do Acre (Festac) acontecerá em Rio Branco, de 21 a 28 de março. A abertura oficial será realizada no Novo Mercado Velho, a partir das 16h, com a apresentação de rua da Cia Visse e Versa. O grupo apresentará o espetáculo ‘As Mulheres de Molière’.

O diferencial desta edição do festival são os workshops, no qual serão discutidos a respeito das experiências de montagem do espetáculo. Os encontros serão realizados no Hotel Imperador Galvez. As vagas serão limitadas para até 25 pessoas.

As apresentações durante o festival serão alternadas entre os seguintes locais: Teatro Plácido de castro (Teatrão), Usina de Artes João Donato, Via Verde Shopping, Praça do Novo Mercado Velho.

De acordo com Lenine Alencar, da coordenação do evento, reunir grupos de teatro locais e nacionais é uma oportunidade única. “Muitos festivais no Brasil têm a finalidade de competição com premiação. Não é o caso. O objetivo principal é formar público e alcançar o maior número de pessoas”, salientou.

No total, 20 grupos se apresentarão durante o evento. Treze deles são de outros estados como: São Paulo, Minas Gerais, Santa Catarina, entre outros. Sete grupos locais irão participar.
Nonato Maia, presidente da Federação de Teatro do Acre (Fetac), afirma que as apresentações são para os mais diversos públicos, para crianças e adultos, com apresentações de rua e de palco.

“O público acreano está se habituando a ir ao teatro. Hoje as pessoas estão deixando de ir ao shopping, por exemplo, e vão prestigiar um espetáculo”, explicou o presidente.
Os ingressos estarão disponíveis para venda apenas nos dias de espetáculo. A entrada terá o preço de R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudante).

Festac alcança os desabrigados pela enchente
As apresentações se estenderão, ainda, ao Parque de Exposição, onde o festival levará arte e cultura aos desabrigados pela enchente do Rio Acre, que atingiu mais de 90 mil pessoas.

Segundo Lenine Alencar, que também faz parte da Cia Visse e Versa, os grupos de rua vão se apresentar no abrigo de maior concentração de pessoas, no Parque de Exposição. “Palhaços e muita animação serão levados”, finalizou.

Assuntos desta notícia