O Rappa vem aí

ORappa
Está chegando a hora! A empresa RP Eventos apresenta no próximo dia 24, no Maison Borges, o show da banda O Rappa. O evento conta com a parceria do Governo do Estado, por meio da Fundação Aldeia de Comunicação e o movimento Acre Solidário, portanto, os ingressos terão desconto na doação de donativos para os atingidos pela enchente. O ponto de venda é a loja KeK Bijoux (Centro).

Curso de auto maquiagem
curso_make
O maquiador expert Fernando Leite abriu nova turma para seu curso de auto maquiagem, com data marcada para o próximo dia 18, período da tarde, na Park Academia. O curso tem nível único, nele você aprenderá a se maquiar para diversas ocasiões, bem como a utilizar e a escolher os melhores produtos para sua auto maquiagem. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail [email protected] ou via Whatsapp 9201-7911.

Sesc Partituras
O Serviço Social do Comércio (Sesc) no Acre comemora neste sábado, 18, o aniversário de três anos do projeto Sesc Partituras, que tem como objetivo a valorização da música brasileira de concerto, difundindo o acervo do site com concertos em todas as regiões do país. Em Rio Branco, o evento é realizado no Sesc Centro, às 20h, com o Quarteto Obra Prima e a entrada gratuita.

Fazem parte do repertório obras de Alberto Nepomuceno, Flávio Fonseca, Francisco Mignone, Luiz Garcia e Folclore Popular. O Quarteto Obra Prima é formado pelos músicos, Mateus Barbosa, Issac Benevides, Máximo Lopes e Pedro Cruz.

Todas as músicas do repertório dos concertos estão disponíveis para download gratuito e acesso irrestrito no site www.sesc.com.br/SescPartituras.  São mais de 1,3 mil partituras antigas, raras e contemporâneas, organizadas por título, autor, formação do grupo ou instrumento. É possível ouvir grande parte das composições, além de visualizar, baixar e imprimir todas as partituras.

Informações pelo telefone (68) 3302 1053.

Entretodos
O Entretodos 8 – Festival de Curtas Metragens de Direitos Humanos, que acontece de 5 a 9 de outubro, está com inscrições abertas até o dia 8 de junho. Poderão ser inscritos curtas de qualquer formato, amadores ou profissionais, com duração de até 25 minutos, falados ou legendados em português, que envolvam temas relacionados aos Direitos Humanos.

O evento acontece em diversos pontos de cultura e educação da cidade de São Paulo e busca enfatizar o tema Cidade Educadora, valorizando o audiovisual como ferramenta de formação de educadores e o aproximando da população. Todas as sessões têm entrada gratuita.

Os filmes selecionados para a 8ª edição do Entretodos concorrerão a prêmios que variam de R$ 5.000 (cinco mil reais) a R$ 7.000,00 (sete mil reais) nas seguintes categorias: Melhor Curta-Metragem estrangeiro, Melhor Curta-Metragem Nacional, Melhor Roteiro, Melhor Curta-Metragem escolhido pelo público, além dos prêmios “Cidade Educadora” e “Educação em Direitos Humanos”.

As inscrições são gratuitas e poderão ser realizadas através do site oficial do evento www.entretodos.com.br, onde também está disponível o regulamento. O Entretodos 8 é uma realização da  Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC) e conta com o apoio da Secretaria Municipal de Educação (SME) e da Secretaria Municipal de Cultura (SMC).

A fanpage do Festival pode ser acessada no endereço www.facebook.com/entretodos

(Assessoria)

Oficina de dramaturgia em dança
OFICINA_Flavia Meireles
O Serviço Social do Comércio (Sesc) realiza as atividades do Projeto Dramaturgias e traz, nesta primeira etapa, a oficineira Flavia Meireles, do Rio de Janeiro, que realizará a oficina “Dramaturgia em Dança”, com foco o estudo da dramaturgia do corpo. A oficina acontecerá até o dia 20 de abril, no Teatro de Arena do Sesc, no Centro, no horário das 8h às 12h.

Flavia Meireles é coreógrafa e pesquisadora, mestre em Artes Visuais pela EBA/UFRJ e licenciada em Dança pela Faculdade Angel Vianna. Atua como professora substituta do Departamento de Arte Corporal (UFRJ) e como professora do curso Técnico em Dança da Escola Angel Vianna desde 2005.

A Oficina – A oficina Dramaturgia em Dança tem por objetivo sensibilizar e experimentar o que pode ser a dramaturgia na criação em dança contemporânea. Serão abordados tópicos referentes ao entendimento desse termo na dança – suas funções e campos de experimentação – por meio de exemplos em trabalhos de dança contemporânea recente.

Serão abordados também diferentes contextos de produção (brasileira e internacional) e refletiremos sobre circuitos de apresentação e de recepção dos trabalhos.

Público alvo – Artistas da dança e artes cênicas e performáticas, estudantes de artes cênicas e interessados em geral com idade a partir de 18 anos. Máximo de 15 participantes.

As inscrições são gratuitas e já podem ser realizadas através do e-mail [email protected] basta enviar as seguintes informações: Nome completo, endereço, idade, telefone e um breve currículo.

Assuntos desta notícia