Maio Amarelo terá ações de conscientização no trânsito

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) vai lançar em breve a segunda edição do Movimento Maio Amarelo, que já tem programação definida e variada para todo o mês de maio. As ações se darão por conta da preocupação constante em reduzir os acidentes e despertar a população para as responsabilidades coletivas e individuais durante o deslocamento diário no trânsito.

A campanha, que tem uma cor definida assim como os movimentos “Outubro Rosa” e o “Novembro Azul”, os quais, respectivamente, tratam dos temas câncer de mama e de próstata, conta com a parceria da Secretaria de Estado de Comunicação (Secom), para a divulgação e veiculação de todo o material produzido ao longo do mês.

“Conscientização. Acho que isso é o que, de fato, pode fazer toda a diferença na redução de acidentes”, frisou a secretária de Comunicação, Andréa Zílio, durante reunião com o diretor-geral do Detran, Gemil de Abreu Júnior, nesta quarta-feira, 22.

Segundo Gemil, o Detran vai promover junto a outras instituições diversas atividades que envolvem o poder público e a sociedade civil, de modo que o tema trânsito possa ser discutido em todas as esferas e com a importância que ele exige.

Em alusão ao movimento, no dia 1° de maio, o Palácio Rio Branco receberá a iluminação amarela, cor que simboliza atenção. O lançamento será feito oficialmente no dia 4. Palestras educativas, cicleatas, abordagens a condutores em locais estratégicos, distribuição de fitilhos amarelos e outras ações estão programadas para o mês.

Redução de acidentes no Acre
De acordo com dados da autarquia, entre 2013 e 2014, o número de acidentes com fatalidades reduziu 22% no Acre. Esse número é resultado, principalmente, das ações de educação no trânsito, entre elas palestras em escolas, que atingiram aproximadamente 136 mil pessoas. A operação Álcool Zero também teve grande influência: de 2011 a 2014 foram mais de 17 mil operações, com 175 mil veículos abordados, 120 mil testes de bafômetro e 12.092 autuações por embriaguez ao volante. (Rayele Oliveira / Agência Acre)

Assuntos desta notícia