Pular para o conteúdo

Carros e ônibus são incendiados na madrugada

Ônibus que faz a linha Apolônio Sales foi incendiado na madrugada desta terça-feira (6) (Foto: Arquivo pessoal)
Ônibus que faz a linha Apolônio Sales foi incendiado na madrugada desta terça-feira (6) (Foto: Arquivo pessoal)

Após a morte de dois suspeitos de tentar assaltar uma clínica em Rio Branco, ao menos três carros e dois ônibus foram incendiados durante a madrugada desta terça-feira (6). Denis Fortunato e Fabio Andrade foram baleados enquanto tentavam assaltar uma clínica. A Segurança Pública deve se posicionar durante coletiva para confirmar se os casos têm relação com as ocorrências.

Edna dos Santos, mora na Estrada de Boca do Acre, mas conta que foi até o bairro Cidade Nova para resolver problemas com o marido e deixou a caminhonete estacionada na frente da casa da cunhada, quando na madrugada acordou com o carro pegando fogo. “Sempre deixamos à noite aí direto. Só não pegou o fogo todo porque os vizinhos ajudaram a apagar. Quando a gente chegou aqui já estava horrível. Não vimos ninguém”, conta.



Um agente socioeducativo também teve o carro incendiado no bairro Cidade Nova. Com medo, ele prefere não se identificar e diz que acordou com os vizinhos chamando por ele. Ele diz ainda que um dos suspeitos mortos no assalto era morador do bairro.

“Ele estava na frente de casa, o carro do meu irmão e o meu, um perto do outro. Quando acordei com a vizinha me chamando dizendo que meu carro estava pegando fogo. Jogaram um dos litros de combustível nele os vizinhos e eu conseguimos conter as chamas. O Fabio cresceu aqui nesse bairro”, diz.

Entenda o caso
Denis Fortunato de Souza e Fábio Andrade de Araújo Pereira, de 32 anos, suspeitos de assaltar a Clínica Santa Lúcia, localizada na Avenida Getúlio Vargas, em Rio Branco, nesta segunda-feira (6), foram atingidos por tiros quando saiam do local, em uma moto, por um policial à paisana que estava dentro da clínica. Os suspeitos chegaram a ser socorridos por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levados para o pronto-socorro, mas não resistiram. Segundo a polícia, outros dois suspeitos continuam foragidos.

O delegado da Polícia Civil, Nilton Boscaro, informou, ainda nesta segunda-feira (5),  que a polícia faz buscas na região na tentativa de localizar os dois suspeitos. A moto que seria usada na fuga dos suspeitos foi apreendida. (G1.globo.com/ac)

 

error: Conteúdo protegido!!!