Para driblar crise, jovem fabrica ovos de Páscoa e vende a preços acessíveis

Ovos de chocolate garantem a Ítalo uma renda extra
Ovos de chocolate garantem a Ítalo uma renda extra

Os corredores dos supermercados estão coloridos e recheados de ovos de chocolate. Este ano, as indústrias reduziram o tamanho dos ovos de Páscoa em cerca de 40%. Além disso, o preço do chocolate subiu consideravelmente. Pensando nisso, o acadêmico de Enfermagem, Ítalo Ramon, de 24 anos, decidiu fabricar ovos de Páscoa caseiros.

Ítalo explica que o alto custo dos ovos de chocolate nos supermercados foi um dos motivos que levou ele a fabricar chocolate caseiro. “Há dois anos fiz pela primeira vez e teve uma boa saída. Ano passado eu não fiz, mas este ano sai para fazer uma análise do preço do material e vi que compensava fazer”, explicou.

O jovem aprendeu a fazer ovos de chocolate assistindo vídeos na internet e se arriscando nas receitas em casa. De acordo com a encomenda, o ovo de Páscoa caseiro é personalizado, por exemplo, se o chocolate for para uma criança, Ítalo coloca um brinquedo surpresa no interior do ovo.

Além dos ovos de Páscoa tradicionais, o jovem também faz ovos de colher – chocolate recheado de brigadeiro, beijinho, brigadeiro de leito ninho, entre outros sabores. “Andei olhando pela internet e vi que muitas pessoas estavam falando dessa novidade. Fiz uma vez e deu certo, então decidi vender também”.

O acadêmico explica que vender chocolate na Páscoa é uma forma de ter uma renda extra. “Eu estou só estudando, então essa foi a forma que eu vi de tirar um dinheiro extra. É claro que não dá muito lucro, mas dá pra tirar um valor significativo sim”.

Os valores variam de acordo com o tamanho do chocolate. O ovo pequeno com 150 gramas custa R$ 15, o médio (350g) custa R$ 25 e o grande (500g) tem o valor de R$ 35. Os interessados em experimentar a delícia podem encomendar através do telefone (68) 9223-0567.

Assuntos desta notícia