Pular para o conteúdo

Procon deve fiscalizar até 30 lojas em Rio Branco durante ‘Operação Volta às Aulas’

Cerca de 30 estabelecimentos, entre papelarias, livrarias e comércios de Rio Branco devem ser fiscalizados pelo Órgão de Proteção e Defesa do Consumidor do Acre (Procon/AC), entre esta terça-feira (7) e o fim do mês de janeiro durante a Operação Volta às Aulas.

As equipes do Procon visitam os pontos de venda de material escolar para evitar abusos nos preços e orientar os consumidores.

As primeiras lojas a receberem as equipes devem ser da área central da capital acreana.

“Queremos fazer uma ação com um intuito de também orientar o fornecedor. É muito importante que o fornecedor esteja atento nesta época à política de preços, se for promoções tem que deixar claro pro consumidor, produtos que devem atingir determinada faixa etária tem que estar esclarecidos para o consumidor”, explicou o diretor-presidente do Procon, André Gil.

O diretor acrescentou que a ação vai ocorrer durante todo mês de janeiro a partir desta terça. A fiscalização visa, principalmente, orientar os estabelecimentos sobre possíveis abusos nos valores do material escolar, forma de pagamento, trocas de produtos, promoções, entre outros.

“É muito comum, nessa época do ano, os pais levar os filhos, que querem levar além do que está na lista de material. Que o fornecedor deixe tudo aparente, como vão ser as promoções. Tudo tem que ficar muito claro. É uma série de orientações ao fornecedor para garantir a segurança e saúde do consumidor”, concluiu.