Fiscal aposentado da Cohab tem casa invadida, carro roubado e é torturado até a morte

O fiscal aposentado da Companhia de Habitação do Acre (Cohab) e cadeirante João Menezes da Silva, foi encontrado morto, amarrado e com marcas de agressão física. Ele foi torturado a golpes de ripa nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira, 12, dentro de sua residência localizada na rua Salinas no bairro Loteamento Praia do Amapá, situado no Segundo Distrito de Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, o crime ocorreu pela madrugada. João morava sozinho e estava dormindo quando homens não identificados invadiram a sua residência e anunciaram o assalto. A vítima teve os braços amarrados e foi jogada no chão. Em seguida, foi torturada a golpes de ripa na cabeça e no corpo até a morte.

Os criminosos fugiram do local roubando o veículo da vítima, um Fiat Toro de cor branca. Pela manhã desta segunda-feira, 12, moradores da região desconfiaram da situação e foram até a casa da vítima e o encontraram morto.

A Polícia Militar foi acionada e isolou a área para os trabalhos do Perito em criminalística. O corpo do cadeirante foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para exame cadavérico.

Na região, ninguém soube informar o que aconteceu, pois segundo a polícia prevalece a lei do silêncio. O caso segue sob investigação dos Agentes de Polícia Civil da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). (AC24HORAS)

Assuntos desta notícia