Polícia Civil prende dois envolvidos em latrocínio, apreende menor, drogas, duas armas e recupera arma da vítima

Logo após o crime que vitimou o Policial Civil no município do Bujari, equipes da Polícia Civil da Delegacia de Repressão as Ações Criminosas Organizadas(DRACO) e da Coordenação de Operações e Recursos Especiais (CORE), com apoio da Delegacia do Bujari conseguiram prender dois homens e apreender um menor envolvidos no latrocinio que vitimou o Policial Civil aposentado Francisco Santos da Silva, de 63 anos, mais conhecido como Chico Santos, na tarde da ultima segunda-feira, 9, após um assalto em sua residência localizada Travessa Angélica, no Centro do município do Bujari, no interior do Acre.

O crime está tipificado no Código Penal no artigo 157. Quando para consumar o roubo, a violência empregada pelo agente causa morte da vitima.

A Policia Civil esteve no local do crime, fez levantamento e em posse das informações os agentes deram início ao trabalho de captura dos envolvidos.

Foram presos N. S. do N., que guardou as armas do crime, inclusive a arma que foi subtraída da vítima. L. F da C. F. – participou da execução do latrocinio. Este último estava na posse do dinheiro subtraído e da droga, (4 barrinhas). Também foi apreendido um menor que participou da execução do crime.

As armas, carregadores, munições, além das máscaras usadas no cometimento do crime estavam escondidas em uma invasão num terreno baldio dentro de uma mochila

A ação policial foi coordenada pelo delegado Pedro Paulo Buzolin que logrou êxito em capturar os envolvidos no latrocínio.

O delegado Pedro Paulo Buzolin esclareceu que as investigações da Polícia judiciária serão intensificadas naquele municipio no sentido identificar pessoas no cometimento de delitos e coibir ações criminosas.

Todos os presos foram conduzidos à DEFLA para lavratura do auto de prisão em flagrante e em seguida colocado à disposição da justiça. (Ascom/PCAC)

Assuntos desta notícia