Pular para o conteúdo
contra Covid-19

Cruzeiro do Sul realiza vacinação itinerante nos bairros

As ações visam ampliar ainda mais a cobertura vacinal em Cruzeiro do Sul e também aproveitar ao máximo o prazo do imunizante da Pfizer. Das 3.600 doses que haviam inicialmente com prazo estipulado para vencer dia 20, restam apenas cerca de 200 doses a serem aplicadas.

Mais de 300 pessoas receberam o imunizante no primeiro dia de ação móvel, em Cruzeiro do Sul(Foto: Assessoria)

A Secretaria Municipal de Saúde de Cruzeiro do Sul deu início na última segunda-feira, 16, a uma ação de vacinação itinerante para imunizar o maior número de pessoas possivel contra a Covid-19. Três unidades móveis refrigeradas se deslocam aos locais de maior procura e menor acesso oferecendo a vacinação de primeira e segunda dose do imunizante Pfizer.

Até o momento, o município já vacinou 54.299 pessoas contra a doença com a primeira dose e, de acordo com a prefeitura da cidade, somente no primeiro dia de ação móvel foram aplicadas 302 doses de vacina. Nesta terça-feira, 17, duas equipes se deslocam pelo bairro da Várzea e uma para o Conjunto Cumaru. Cada unidade leva consigo dois técnicos, dois registradores e técnicos de TI. O atendimento acontece em dois turnos, pela manhã, das 8h às 12h e pela tarde das 14h às 17 horas, para todo público acima de 12 anos.

Na segunda, os locais visitados foram a região dos mercados, buscando alcançar o público dos ramais na área de embarque dos caminhões, o Vale dos Buritis, Conjunto Cumaru e o Bairro do Divisor pela manhã. Já no período da tarde, as unidades se deslocaram para o ramal da Variante próximo à estrutura da nova rodoviária, no bairro São Cristóvão, próximo ao Igarapé Preto e no ramal da Onça.

As ações visam ampliar ainda mais a cobertura vacinal em Cruzeiro do Sul e também aproveitar ao máximo o prazo do imunizante da Pfizer. Das 3.600 doses que haviam inicialmente com prazo estipulado para vencer dia 20, restam apenas cerca de 200 doses a serem aplicadas.

Devido à grande procura, a expectativa da secretaria é utilizar a totalidade das doses até sexta-feira. Já das doses com prazo estipulado para o dia 25, mil delas foram emprestadas ao município de Marechal Thaumaturgo atendendo à solicitação do PNI Estadual.

Falta de doses

Na última sexta-feira chegaram cerca de 900 doses de imunizantes, mas conforme informações da Saúde muicipal, o estoque já foi esgotado na aplicação de segunda dose. O protocolo de vacinação foi alterado pelo Ministério da Saúde, que havia definido inicialmente um intervalo de 90 dias entre as doses, reduzindo para 45 dias. Por esta razão o imunizante Astra Zêneca, produzido pela Fiocruz está em falta. Há previsão de chegada de mais 500 doses do imunizante até quarta-feira desta semana. A segunda dose da Coronavac está sendo ministrada diariamente no posto do agricultor.

“Nosso objetivo é ampliar ao máximo a cobertura vacinas, chegando aquelas pessoas que por diferentes motivos ainda não se vacinaram” disse o secretário de saúde Agnaldo Lima.