Pular para o conteúdo
POLÊMICA

Músicos do Charlie Brown Jr. processam filho de Chorão, diz advogado

O advogado Marcos Bitelli, que representa Alexandre, filho de Chorão, contou ao Uol que os músicos Marcão e Thiago Castanho (ex-guitarristas) entraram com uma ação contra o herdeiro do vocalista do Charlie Brown Jr., que morreu em 2013.

Além disso, eles estariam escondendo parte do que aconteceu nos bastidores ao anunciar um novo projeto em comemoração aos 30 anos da banda. “O que está na Justiça não está no Instagram”, afirmou Bitelli.

“Consideramos isso irrelevante a ponto de levar a público”, rebateram os guitarristas. A dupla pede a anulação do contrato de uso de nomes ligados à banda e explicou o motivo do rompimento definitivo com o filho de Chorão, anunciado em 25 de outubro. Na ocasião, eles também comunicaram turnê própria para celebrar carreira.

“Foi uma série de coisas que nos influenciaram a nos desligarmos. Desde posturas imaturas e irresponsáveis em redes sociais, como a atitude de querer tomar para si um projeto que seria solidificado com a participação de todos e importância que cada um poderia agregar”, disseram os ex-parceiros de Chorão ao portal.

No perfil oficial e verificado do Charlie Brown Jr. no Instagram, controlado por Alexandre, em fevereiro, uma turnê comemorativa aos 50 anos de Chorão e aos 30 anos da banda que incluía os guitarristas foi anunciada para o público.