Pular para o conteúdo
POLÊMICA

Contra sua vontade, Gabriel Medina fecha acordo milionário com a mãe

Mais um capítulo da polêmica briga entre Gabriel Medina e a mãe, Simone Medina, foi divulgado nesta última quarta-feira (3). O surfista teria assinado um acordo para pagar R$ 20 mil por mês por 20 anos para a empresária que, antes da briga com o filho, gerenciava a carreira do surfista.

Saiba mais sobre acordo supostamente assinado por Gabriel Medina

De acordo com as informações do colunista Leo Dias, Medina teria aprovado o documento sem se dar conta do teor do compromisso que estava firmando e nem sequer lembra quando o contrato foi feito. Segundo relatos, o lema da família seria: “Você deve apenas surfar e não se preocupar.“.

Ainda segundo a nota do jornalista do portal Metrópoles, Simone teria recebido entre os anos de 2014 e 2020 o equivalente a R$ 20 milhões e em seu patrimônio constaria três casas em Maresias, no litoral de São Paulo, onde a família vive, um Audi Q5, um Hyundai HB20 e uma moto Agrale.

Contrato suspenso

O acordo, porém, teria sido suspenso recentemente, quando o surfista aceitou pagar uma outra quantia milionária para se desvincular da matriarca do clã dos Medina. Sendo assim, o atleta teria aceitado pagar agora R$ 5,5 milhões dos lucros acumulados da empresa SGM Esportes, que tinha em sociedade com a mãe, para se desvincular de vez da empresária.

Simone e o atleta estão há meses sem se falar e um dos motivos seria o casamento dele com Yasmin Brunet, que a empresária não aprova. A matriarca de Medina acusa a nora de ser controladora e a aponta como o motivo do afastamento de Gabriel do resto da família.