Pular para o conteúdo
Lei de Orçamento Anual

Sindicatos da Saúde pedem apoio dos deputados para que LOA seja alterada pelo governo

Caso não haja uma resposta positiva do chefe do Execultivo, os manifestantes pretendem entrar em greve por tempo indeterminado na quinta-feira, 2

A reunião tratou sobre as contrapropostas entregues ao governo, referentes às reivindicações da categoria (Foto: Dell Pinheiro)

Representantes de sindicatos de trabalhadores em Saúde do Estado, se reuniram na manhã desta terça-feira, 30, na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), com os deputados estaduais Jenilson Leite (PSB), Chico Viga (Podemos), Daniel Zen (PT)  e Jonas Lima (PT), que fazem parte das comissões de Saúde e Orçamento do parlamento.

A reunião tratou sobre as contrapropostas entregues ao governo, referentes às reivindicações da categoria. A promessa é que o chefe do Execultivo encaminhe os documentos ao Legislativo até está quarta-feira, 1° de dezembro. Caso não ocorra, os manifestantes pretendem entrar em greve por tempo indeterminado na quinta-feira, 2.

Os parlamentares ouviram os representantes e prometeram dialogar com os deputados que fazem parte da base do Governo .

A categoria pedem a alteração na Lei de Orçamento Anual do Estado (LOA) que será votada em dezembro. Dentre as reivindicações dos servidores está o pagamento de gratificações  aos trabalhadores que atuam na linha de frente contra o coronavírus (a título de insalubridade), a reforma do Plano de Cargo, Carreira e Remuneração, além de melhoria das condições de trabalho nas unidades de Saúde.