Pular para o conteúdo
Na capital 

Campanha de Natal da Apae entrega material escolar para mais de 200 alunos

A expectativa é que quase 300 alunos sejam beneficiados com as doações arrecadas nos últimos cinco meses

A meta  da Apae este ano é de atender 284 alunos. (Foto: Dell Pinheiro)

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) Rio Branco, iniciou nesta quarta-feira, 15, a entrega de presentes aos alunos atendidos pela instituição de ensino especial. Os presentes foram arrecadados durante os últimos cinco meses, período em que realizaram uma campanha natalina para receber as doações.

“Faremos as entregas das lembranças até a próxima sexta-feira, 17, além da renovação de matrículas. Esses presentes são materiais escolares que eles utilizarão em 2022. Estamos trazendo também uma aproximação através da presença física para eles ‘matarem’ saudades dos professores e da equipe técnica, lógico que com a apresentação da carteira de vacinação e tomando todos os cuidados de higiene necessários”, comentou Fabíola Freitas, assistente social da Apae.

A profissional ressaltou que a meta é atender 284 alunos este ano. “Estamos presenteando os estudantes que já fazem parte do ensino presencial, os que fizeram acompanhamento com as professoras durante as aulas remotas, e que tiveram alguma tipo de contato com a gente durante esse período de pandemia. A campanha só foi possível com a ajuda da direção do Centro, equipe técnica e professores, que colaboraram doando R$ 50 para a aquisição dos itens escolares”.

A presidente da Apae Rio Branco, Cecília Lima, falou sobre a importância da campanha. “Realizamos este evento todos os anos. Agradeço a toda a equipe que se empenhou para que tudo ocorresse de forma positiva. A nossa satisfação é ver o sorriso no rosto de cada aluno que recebe o presente, que neste ano, teve uma temática diferente, que foi a entrega dos kits escolares. Tenho certeza que eles irão gostar. Eles sentem falta da instituição. Se Deus quiser, em 2022, as aulas presenciais retornarão”, finalizou.

“A campanha só foi possível com a ajuda da direção do Centro, equipe técnica e professores, que colaboraram doando R$ 50 para a aquisição dos itens escolares”, disse Fabíola Freitas, assistente social da Apae.

Leia também: Campanha pretende arrecadar recursos para APAEs de todo Brasil