GAZETA 93,3FM Ouça agora

27 de maio de 2023

Cara de Sapato faz revelação após eliminação do BBB23: “Apenas tentando viver”

Logo após a conturbada eliminação da vigésima terceira edição do ‘Big Brother Brasil‘ na última quinta-feira, 16 de março, por ter cometido importunação sexual contra a mexicana Dania Mendez, o lutador Cara de Sapato, de 33 anos, fez revelações sobre a experiência de ter participado do reality show exibido pela TV Globo.

“Foi uma experiência única, criei vínculos de amizade com muitas pessoas boas e certamente vou levar para o resto da minha vida”, disse o ex-participante, o qual não terá a oportunidade de retornar na repescagem promovida pelo programa, em entrevista à Caras Brasil.

+ Internautas repercutem pedido de desculpa de Cara de Sapato: ‘Usando camiseta branca’

De acordo com Antônio, ele acreditava que nomes como Fred Desimpedidos tinham favoritismo no jogo: “Eu acho que tinham pessoas muito fortes lá. Eu olhava todos com uma força interior, com um repertório de vida muito grande”.

No entanto, o amigo de João Vicente afirmou que não acreditava que tinha uma torcida. “Eu nunca cheguei a imaginar que em algum momento poderia estar sendo visto como favorito. Eu estava apenas tentando viver lá dentro e aprender com a experiência”, finalizou.

+ Juliette toma atitude contra Cara de Sapato e apoia Dania após assédio no ‘BBB23’

Mais sobre Cara de Sapato

No último sábado, 18 de março, Cara de Sapato fez seu primeiro pronunciamento fora da casa mais vigiada do país. “Oi, pessoal. Eu não vim aqui antes porque foi tudo muito conturbado para mim. Aconteceu muito rápido e me deixou muito muito triste. Eu sempre prezei pelo cuidado e bem estar de todas as pessoas e, sinceramente, nunca imaginei me envolver numa situação como essa que estou vivendo agora”, iniciou.

“No momento, eu não percebi que podia estar passando dos limites. Para mim, é um momento de desconstrução e nem sempre esse caminho é um botão de liga e desliga. Eu precisei assistir tudo para entender e daí poder ressignificar meu olhar sobre isso. Entendo que são atitudes que não podem jamais serem normalizadas. Mas acredito que o mais importante é me desculpar do fundo do meu coração com a Dania, com sua família e com todas as mulheres que foram atingidas com essa minha atitude. Eu sou um lutador e luto pelas boas causas. Sou um lutador e luto pelas boas causas”, detalhou.

“Aprendi tanto a comemorar pelas minhas vitórias, como a aprender com as minhas derrotas. É exatamente o que estou fazendo agora. Aprendendo e amadurecendo com tudo isso. Por fim, quero agradecer às pessoas que mandaram mensagens, demonstram carinho, e também principalmente àquelas que apontaram meus erros e me fizeram enxergar”, concluiu.

Source: Areavip

Mais Notícias

Next Post