Como vai a sua motivação? – Jornal A Gazeta

Como vai a sua motivação?

images
Olá, tudo bem?
É maravilhoso poder estar aqui com vocês podendo compartilhar de um tema muito discutido na sociedade atual: MOTIVAÇÃO.
Antes, permita-me explicar o que significa estar motivado.
Pois bem, uma pessoa motivada é alguém cheia de energia que busca incansavelmente seus objetivos e sonhos. É um impulso, uma força que vem de dentro direcionando o indivíduo a concretizar tudo aquilo que almeja em sua vida. Alguns infelizmente, chegam até a passar por cima de outras pessoas.
Existe portanto, a motivação que vem de dentro, ou intrínseca, e a extrínseca, ou seja, aquela que é estimulada pelo ambiente ao seu redor.
Diante desta breve explicação, permita-me entrar em seu mundo particular e perguntar: Como vai a sua motivação?
Sinceramente Claudia, eu não tenho forças para nada. Sinto-me acomodado (a). Eu não tenho ânimo, força, e nem energia para pensar em fazer alguma coisa. Vejo o tempo passar e não avanço, pior ainda, nem saio do lugar.
É meu amigo, minha amiga, sinceramente, a coisa está feia, e irei lamentar muito se ao término da leitura deste texto você continuar com esse mesmo desânimo.
Mas, MOTIVE-SE e continue lendo por favor!
Olha só, uma pessoa motivada busca motivos em sua vida para agir, conquistar e até sair da mesmice.
Como assim Claudia?
Pare um pouco e reflita comigo, se você for pai ou mãe, me diz uma coisa:
O que deseja concretizar para seus filhos? Que tipo de segurança deseja proporcionar para eles?
Ou você é daqueles (as) que vive sonhando com uma casa, carro, bons estudos, plano de saúde, passeios, viagens? O que tem feito para conquistar tudo isso?
Como homem ou mulher, pensa em uma carreira profissional, buscar melhor capacitação, fazer algum concurso, montar um negócio?
Anseia casar, conhecer alguém legal?
Onde está sua energia interior? Quais os motivos que te levam a agir, sair do lugar, buscar, conquistar?
O que você deseja realmente para a sua vida?
Ou melhor, quem é você?
Sim, quem você é como pessoa, como homem, mulher, como filho, filha, como pai, mãe, como marido, esposa, como profissional, como amigo, enfim, quem realmente é você, quais os seus gostos, quais os planos para sua vida, quem você deseja ao seu lado, quais os seus sonhos, suas metas, o que realmente anseia conquistar?
Sabe, muitas pessoas correm para participar de palestras motivacionais, chegam a pagar caro por uma ou duas horas, escutam, escutam, chegam a vibrar, uma energia parece tomar conta do seu interior, é energizante, fortalecedor!
Daí, passa-se uma semana, duas, e tudo volta ao que era antes, o velho desânimo volta a governar seu interior, tudo passou, o fogo esfriou.
Culpa do palestrante? Não!
Não vale a pena participar dessas palestras? Claro que vale a pena!
Mas aqui pra nós, o problema está em você, ou melhor, dentro de você.
Descubra-se! Encontre os reais motivos que te enfraquecem, desanimam. Substitua-os por estímulos positivos. Modifique o que for necessário. Faça substituições. Pare de se olhar como coitadinho (a), alguém incapaz que está sempre dependendo do outro para viver. Saia da sombra de outra pessoa. Observe melhor sua verbalização, ou seja,  aquilo que você tem dito para si mesmo que te oprime, diminui, retarda, escraviza e paralisa.
Saiba onde estar, e aonde quer chegar!
Lembro-me sempre nesse momento, da cena de Alice no País das Maravilhas, quando ela estava perdida e perguntou ao gato, observe o diálogo segundo o filme:
Alice: “Você pode me ajudar?”
Gato: “Sim, pois não.”
Alice: “Para onde vai essa estrada?”
Gato: “Para onde você quer ir?”
Alice: “Eu não sei, estou perdida”.
Gato: “Para quem não sabe para onde vai, qualquer caminho serve”.
Portanto, trace metas, saiba aonde quer chegar.
Mas para isso, lembra o que te falei anteriormente? Descubra: Quem é você?
Veja bem, no filme, Alice caiu no buraco, ou seja, ela caiu dentro dela, mergulhou em seu mundo interior, ela precisava inclusive saber se ela era realmente a Alice verdadeira, ou aquela que ‘diziam’ que ela era, quem era Alice?
Sente-se perdido, ou perdida? Sabe onde realmente está? Onde você quer chegar?
Pare de sofrer!
Autoconhecimento, é isso que você precisa para se descobrir e sentir o verdadeiro impulso moti-vacional que precisa começar dentro de você.
Resolva-se e organize-se inte-riormente.
Trace metas, planeje, sonhe.
Dê o passo mais importante: Saiba quem você é…
E caminhe confiantemente em busca daquilo que você traçou e planejou desde o momento que descobriu em você uma energia chamada MOTIVAÇÃO.

Um grande abraço!
E fica com Deus.

Claudia Correia é Psicóloga
claudiacorreiamt@hotmail.com
Facebook: Claudia Correia de Melo
Site: claudiacorreia.com.br

Assuntos desta notícia