Jorge Viana diz que “despetização” é um erro e servidor não pode pagar a conta – Jornal A Gazeta

Jorge Viana diz que “despetização” é um erro e servidor não pode pagar a conta

O senador Jorge Viana (PT/AC) usou as redes sociais para falar a respeito do momento político em que vive o Acre e o Brasil. Aproveitando o gancho da posse de Socorro Neri frente à Associação dos Municípios do Acre (Amac), ele frisou que os servidores públicos não podem “pagar” por erros das administrações.

“Tomara que a Amac consiga se desviar desses tempos difíceis, de todos contra todos, e seja um espaço democrático, como sempre foi. Vivemos um momento muito ruim, onde técnicos e profissionais de diferentes áreas às vezes têm que pagar a conta dos enfrentamentos políticos e partidários. Isso é grave, e é um erro. Fui prefeito, fui governador e senador. E tudo que me orgulho de ter feito, só consegui fazer com ajuda de profissionais capacitados”, disse Jorge Viana.

A fala do senador acreano confronta o processo de ‘despetização’ encabeçado no plano nacional e adotado no Acre. Para Jorge Viana, é necessário levar em consideração os conhecimentos técnicos de cada servidor público dentro da área de atuação.

Ao comentar especificamente sobre o ato de posse de Socorro Neri, Jorge Viana destacou que a Associação é um espaço democrático em que reúne lideranças partidárias de diversas siglas, sendo permitida a pluralidade de pensamento. “Fiquei muito contente de ver que paramos de andar pra trás e voltamos a andar pra frente na Amac”, pontua o senador.

JOSÉ PINHEIRO

Assuntos desta notícia