Helicóptero garante resgate de criança vítima de acidente de cavalo em Xapuri

resgate
* O deslocamento até a capital foi realizado em apenas 40 minutos; por via terrestre demoraria em média 3,5 horas.

O Helicóptero comandante João Donato, do governo do Acre, realizou na manhã desta sexta-feira, 27, seu segundo resgate no interior, desde a implantação do serviço no Estado. O primeiro aconteceu no mês de setembro, quando a aeronave conduziu até a capital três vítimas de um acidente de trânsito no município de Manoel Urbano. Desta vez, a paciente é uma menina de 8 anos, residente na zona rural de Xapuri.

Alice dos Santos Carvalho sofreu fratura exposta no braço direito ao cair de um cavalo durante um passeio. A versão foi contada pelo próprio pai, Antônio José Carvalho, que veio acompanhado a filha até Rio Branco. Segundo ele, o acidente aconteceu no início da manhã numa localidade conhecida como ramal da Cafuba.

A garota recebeu os primeiros socorros ainda no hospital de Xapuri. A solicitação do resgate via aérea foi feita pelo médico Rafael Teixeira, após constatar que a ambulância do município estava quebrada e a de Brasiléia estava em atendimento. “Se fossemos aguardar a chegada de uma ambulância de Assis Brasil o deslocamento da criança poderia demorar até três horas e meia”, disse.

De acordo com o médico, o quadro de Aline é estável, mas ela apresentava muito sangramento quando chegou ao hospital, o que poderia vir a lhe trazer complicações. Em decorrência disso, foi solicitado o deslocamento do helicóptero, reduzindo o tempo de deslocamento para apenas 40 minutos.

A idéia inicial do piloto da aeronave, major Albuquerque, era realizar o pouso no estacionamento do estádio Arena da Floresta. Uma ambulância do Serviço Móvel de Urgência (Samu), inclusive, foi deslocada, mas a grande quantidade de urubus sobrevoando a região impediu a descida do helicóptero.

Em decorrência disso, o pouso foi transferido para o pátio do Sétimo Batalhão de Engenharia e Construção (7º BEC). Do local, a criança foi transferida para o Pronto Socorro de Rio Branco, onde permanece em tratamento.

Foto/ Luciano Tavares

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation