Trabalhador é agredido a golpes de enxada por ter se negado a fumar maconha

agredido

O auxiliar de pedreiro  José Francisco Viana dos Santos, 37 anos, foi agredido com um golpe de enxada na cabeça, na madrugada de ontem, 21, por ter se negado a fumar maconha com um vizinho.

A agressão aconteceu no bairro Calafate e segundo informações da dona de casa Clemilda da Silva, 36 anos, mulher da vítima, o marido chegou em casa após o trabalho e resolveu consumir bebida alcoólica em frente a sua residência.
Um vizinho conhecido pelo nome de Téo  foi até a casa de Francisco e pediu um cigarro, mas Francisco informou que não tinha cigarro apenas tabaco e ofereceu um pouco do produto para Téo.

Minutos depois Téo retornou com um cigarro de maconha e ofereceu a Francisco, que avisou ao vizinho que não consumia entorpecente, e que seu único vício era mascar tabaco e tomar uma cachaça de vez em quando.
Téo não gostou da recusa e aplicou um tapa no rosto do vizinho, e novamente ofereceu o cigarro de maconha, mas Francisco novamente se recusou a consumir a droga.

Mais revoltado ainda Téo se armou com uma enxada e aplicou um golpe na cabeça da vítima que foi socorrida por uma equipe de paramédicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – Samu e encaminhado ao Pronto Socorro de Rio Branco.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation