Mulher embriagada tenta matar marido e toca fogo na casa

bandida
A dona de casa Maria Lúcia Almeida de Souza, 50 anos, foi presa acusada de tentativa de homicídio contra o marido Wilson Ferreira Façanha, 48 anos que foi esfaqueado,e em seguida tocou fogo na residência do casal que foi completamente consumida pelo incêndio.

O crime aconteceu na zona rural do município de Mâncio Lima, comunidade Humaitá do Rio Moa, região do Lago Samaúma.

A mulher foi presa por policiais militares do Comando de Operações Especiais – COE e na delegacia negou as acusações alegando que quem praticou os atos criminosos foi “o capeta”.

Segundo informações da polícia, Maria Lúcia já tem passagem pelo Presídio Manoel Néri da Silva, em Cruzeiro do Sul, por crime de tentativa de homicídio contra um agente penitenciário.

Ela atirou no agente quando ele participava de uma pescaria no Lago Samauma. Na época do crime, ao ser presa, Maria Lúcia confessou e alegou que atirou no agente penitenciário por que ele foi teimoso. ”Eu avisei que não queria ninguém pescando no Lago, ele teimou e foi ai que atirei nele” afirmou a mulher.

Após ser indiciada por tentativa de homicídio, Maria Lúcia foi transferida para o Presídio, onde ficará aguardando julgamento.

 

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation