Pular para o conteúdo

Presos detentos que saiam do presídio para roubar

Investigadores do Grupo Antiassalto da Polícia Civil (Gapc) prenderam os presidiários em liberdade condicional, Elizeu Alencar de Araújo, 28, e Pedro Vieira da Silva, 29, condenados por roubo e furto e que gozavam do benefício do regime semi-aberto e aproveitavam as horas de liberdade para praticar assaltos. Segundo informações da polícia, após praticar roubos, a dupla voltava para a casa de detenção Papudinha como se nada tivesse ocorrido.

Na manhã de sábado, 6, por volta das 6 horas, depois de vá-rios dias de campana, eles assaltaram a casa de um empresário, onde renderam diversas pessoas com ameaças de morte, roubaram dinheiro, jóias e outros valores.

Eles não sabiam que toda a ação foi filmada pelas câmeras de circuito fechado.

As imagens de boa qualidade possibilitaram ao delegado Kalesso Néspoli, do Gapc, identificá-los e mais tarde prendê-los quando voltavam para dormir no presídio. O delegado acredita que Elizeu Vieira, que tem três condenações por assaltos totalizando 19 anos e oito meses de cadeia, e Pedro Vieira da Silva, que cumpre seis anos por furto, tenham praticado outros assaltos na cidade.