Taxista tem o carro incendiado e desaparece, após telefonema

O taxista Natanael de Oliveira Monteiro, 27 anos, está desaparecido desde terça-feira, após receber uma ligação, quando estava em sua casa, no lo-teamento Farhat, na BR-364, sentido Rio Branco/Porto Velho. O veículo dele foi encontrado incendiado, próximo ao Ramal Benfica, no quilômetro 15 da Rodovia AC-40.

Conforme o irmão da vítima, Isaac de Oliveira Monteiro, o taxista teria contado à esposa que ia trabalhar, mas que voltaria mais cedo. Ele falou ao celular, antes de sair, por volta das 21 horas.

“Ele recebeu uma ligação em que um cara no outro lado da linha dizia: vem logo, vem logo!”, conta o irmão. “Mas cara, ainda nem jantei”, teria dito Natanael. “Mesmo assim, ele deixou a sua casa, e até agora”, ressalta o irmão, Isaac.

O veículo pode ter sido incendiado ainda na terça-feira e a sua carteira de habilitação foi localizada já em outro ramal, o Bom Jesus a pelo menos oito quilômetros mais próximo de Rio Branco de onde foi encontrado o carro.

Na tarde de ontem, 11, a polícia esteve no local para fazer a perícia do veículo incendiado. Ainda não há pistas do que aconteceu com o taxista. (Agência AGazeta.net)

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation