Rodoviária Internacional de Rio Branco atenderá 36 mil pessoas por mês

O prefeito Raimundo Angelim visitou ontem, 26, as obras da primeira etapa da Rodoviária Internacional de Rio Branco. Acompanhado do secretário Municipal de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas, Wolvenar Camargo; do superintendente de Transportes e Trânsito, Ricardo Torres, de engenheiros e técnicos; Angelim foi conferir o andamento da obra, que tem previsão de ser entregue até o final do ano.
Rodoviaria
A rodoviária está sendo construída em frente à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no Segundo Distrito e ocupa uma área de 186 mil m². A área construída é de 7,6 mil m².

Os investimentos na primeira etapa são de R$ 9,2 milhões, dos quais R$ 5,6 milhões são oriundos do Ministério do Turismo e R$ 3,5 milhões de contrapartida do município. Na segunda etapa serão alocados mais R$ 7,9 milhões, totalizando um investimento de R$ 17,1 milhões.

A idéia com a construção da rodoviária é aumentar o conforto, no embarque e desembarque de turistas que visitam o Acre, vindo de outros estados e países, como o Peru e a Bolívia, além de melhorar o atendimento dos passageiros das viagens interestaduais. “Esta obra não é uma política de governo, mas de Estado. Estamos pensando o nosso município, não para daqui dez ou vinte anos; mas para daqui 50 anos. Estamos pensando o Acre para o futuro”, salientou o prefeito Raimundo Angelim, enquanto vistoriava as obras.

Terminal de integração – Wolvernar Camargo explica ainda que na primeira etapa da obra serão construídas seis baias de ônibus com galeria para embarque e desembarque, instalações sanitárias para o público e funcioná-rios, área administrativa, sala de reuniões, boxe da PM, boxe de fiscalização do Deracre, Juizado da Infância e da Juventude, área de vacinação da Secretaria Municipal de Saúde, 10 guichês de vendas de passagens para as empresas de ônibus, um estacionamento para carros de passeio livre e outro tarifado, estacio-namento com 10 vagas para taxistas, guarita de segurança, área de espera e seis lojas de serviços.

Uma das novidades da obra é a implantação do terminal de integração das linhas de ônibus urbanas de todo o Segundo Distrito de Rio Branco.

Parque zoológico – A obra faz parte do Plano Diretor da cidade de Rio Branco e tem prazo de execução de 24 meses com a urbanização de 40 mil metros quadrados do entorno, além de uma área construída de 7,6 mil m².  Para evitar que o entorno da nova rodoviária seja tomado por bares, lanchonetes e prédios fora das especificações do Plano de Diretor, a prefeitura desapropriou mais de 13 hectares de terras da área próxima onde deve ser desenvolvido um projeto de paisagismo com bosques e, provavelmente, um zoológico, evitando-se assim a especulação imobiliária na região. (Ascom PMRB)

Assuntos desta notícia


Join the Conversation