Brasil convence e se classifica para as oitavas

Obviamente, Kaká não gostou de ter sido expulso na vitória por 3 a 1 da seleção brasileira sobre a Costa do Marfim. Ninguém gostaria, na verdade. Mas o camisa 10 do Brasil mostrou otimismo e procurou achar um ponto positivo. O meia está fora da partida de sexta-feira, contra Portugal, em Durban.
Luis-Fabiano
– Atrapalha um pouco porque perde a continuidade. Mas paciência. Vamos olhar pelo lado bom. São dias que eu posso também trabalhar, fazer um reforço muscular, fazer algumas coisas específicas para voltar com tudo para as oitavas de final – declarou a principal estrela da seleção brasileira.

Depois de se apresentar em Curitiba com problema muscular na coxa esquerda, Kaká passou por intensivo trabalho de recuperação. Em Joanesburgo, na África do Sul, o país da Copa do Mundo, o meia chegou a mostrar receio em alguns treinamentos, mas esteve em campo contra Coreia do Norte e Costa do Marfim.

Dunga pode ser punido pela Fifa
As atitudes do técnico Dunga durante a partida contra a Costa do Marfim, no Estádio Soccer City, em Joanesburgo, e na entrevista coletiva que concedeu após o confronto, no último domingo, podem custar caro. O treinador corre o risco de ser punido pela Fifa por ter xingado o árbitro francês Stephane Lannoy e o atacante Didier Drogba. Para piorar a situação, o comandante da seleção brasileira ainda balbuciou palavrões após interpelar o jornalista Alex Escobar, da TV Globo.

O treinador pode ser enquadrado no artigo 57 do Código Disciplinar da Fifa, que indica que “qualquer pessoa que ofenda alguém de forma ofensiva por gestos ou linguagem, violando a boa conduta, corre o risco de sofrer sanções”. De acordo com o mesmo regulamento, Dunga pode ser punido com uma advertência, uma repreensão ou uma multa. Ontem, o porta-voz da entidade, Nicolas Maingot, foi questionado sobre o caso.

Júlio Baptista e Nilmar disputam a vaga deixada pela expulsão de Kaká
Júlio Baptista é o substituto direto de Kaká, mas Nilmar corre por fora pela vaga. Expulso contra a Costa do Marfim, seu primeiro cartão vermelho pela seleção, o camisa 10 vai desfalcar o Brasil na decisiva partida pelo primeiro lugar do Grupo G da Copa do Mundo contra Portugal, na sexta-feira, em Durban.

Ontem, Nilmar foi um dos destaques do jogo-treino da seleção brasileira contra o time sub-19 do “The Birds”, uma equipe da cidade de Vaal, a cem quilômetros de Joanesburgo. O atacante não chegou a fazer gols na vitória por 7 a 1 dos reservas. Mas fez a jogada de três deles em boas arrancadas pela direita e ganhou, por duas vezes, elogios do técnico Dunga, que acompanhava a atividade na lateral do campo.

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation