Eletricitários anunciam indicativo de paralisação de 72h

Os eletricitários acreanos anunciaram chances reais de uma nova paralisação de 72h/ 3 dias para a próxima semana, na quarta (9), quinta (10) e sexta-feira (11). O indicativo de greve é de caráter nacional. Ele está sendo suscitado em virtude da falta de avanços nas negociações entre os trabalhadores e a diretoria da Eletrobras, sobre o acordo coletivo 2010/2011. Tal acordo determina, entre outras coisas, o início do data-base da categoria.

De acordo com Marcelo Jucá, presidente do sindicato dos Urbanitários, o Conselho Nacional dos Eletricitários (CNE) está negociando em Brasília desde terça-feira (1º).  Do Acre, Jucá contou que há dois representantes nas reuniões, mas até a tarde de ontem eles informaram que não havia nenhum acordo benéfico para a categoria.

“Até o momento não houve avanço, e se as coisas continuarem assim devemos fazer a paralisação de 72 horas a partir de quarta. Precisamos discutir as nossas perdas salariais e colocar o nosso reajuste anual na faixa de 2,5 a 5%, no sentido de corrigir o índice de inflação. Além disso, temos de cobrar mais manutenção das bases a pedir a contratação de mais pessoal (concursos públicos) para os locais mais defasados”, detalhou Marcelo. 

No Acre, os eletricitários somam mais de 200 servidores entre as antigas Eletroacre e Eletronorte (atual Eletrobras -Distribuição Acre). Com a paralisação, a manutenção dos aparelhos do serviço de eletricidade fica comprometida (no caso de problemas técnicos) com apenas 30% do efetivo. A respeito da questão da PLR (Participação de Lucros e Resultados), Marcelo Jucá declarou que a questão já foi resolvida.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation