Ufac anuncia hoje se adotará Enem

A reitora da Universidade Federal do Acre (Ufac), Olinda Batista, anuncia em coletiva de imprensa na manhã desta quarta-feira como e se a instituição adotará o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) em seu processo de seleção de novos acadêmicos. O anúncio acontece depois de muitas reuniões internas do Conselho Universitário, que não chegava a um consenso quanto à adoção ou não.
Ufac-Olinda3006
No início da semana houve reunião entre os membros do conselho e representante do Ministério da Educação, responsável pela reformulação do Enem e seu uso como processo unificado de ingresso nas universidades federais. Ano passado o Sisu (Sistema Unificado de Seleção) foi adotado por algumas instituições país afora. Mais resistente, a Ufac preferiu usá-lo somente no preenchimento das vagas remanescentes.

Um dos temores de membros da Ufac é que o Sisu deixe de fora os candidatos acreanos, já que por ele é possível a entrada de concorrentes de todo o Brasil. Os resultados do Enem sempre deixam o Acre nas posições derradeiras entre os estados. Parte da Ufac quer um modelo que reserve percentual de suas vagas exclusivamente aos acreanos.

Já outros setores acreditam que tal prática não é necessária, pois as chances de um candidato do Acre ir em busca de vagas em outros estados são muito maiores do que o inverso. As “cotas” para os acreanos aconteceria nos cursos mais concorridos, como Medicina, Direito e Engenharia.

Discutidas todas as hipóteses, a reitoria anuncia hoje como, de fato, adotará o Enem. A vantagem do exame é que ele permitirá mais acreanos disputando as vagas da Ufac. Atualmente o vestibular só acontece nos municípios onde há núcleos da instituição; o Enem chega a todas as cidades. A Ufac conta com 43 cursos de graduação, o que totaliza mais de duas mil vagas abertas todos os anos.

Em 2009, três universidades federais do Norte usaram o novo Enem em seus processos seletivos. A Ufam (Amazonas), Unir (Rondônia) e UFT (Tocantins). A faculdade amazonense o usou como fase única para 50% das vagas oferecidas e também as remanescentes. Já Rondônia adotou para 10% das vagas; a federal de Tocantins experimentou o exame para 25% das vagas, além de preenchimento das remanescentes.

As inscrições para o exame 2010 foram abertas no dia 21 e seguem até o dia 9 de julho no site www. enem.inep.gov.br. A depender da decisão da Ufac, a tendência é que mais acreanos se submetam ao Enem.     

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation