Governador prestigia solenidade de posse do superintendente do Ibama

O governador Binho Marques prestigiou na manhã de ontem a solenidade de posse do superintendente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) no Acre, Fernando Lima. O termo de posse foi assinado pelo novo gestor e pelo presidente do Ibama, Abelardo Bayma, na presença dos servidores do órgão, secretários de Estado e também do secretário executivo do Ministério do Meio Ambiente, José Machado.
Ibama-posse
Binho destacou durante a solenidade a importância da integração entre os órgãos responsáveis pela preservação do meio ambiente. Segundo ele esta parceria tem garantido resultados satisfatórios na busca pelo desenvolvimento sustentável. “Estamos passando por uma mudança cultural, de um momento no qual a floresta significava atrasos e prejuízos econômicos, para um outro no qual a floresta passa a ser compreendida com uma grande riqueza. Fernando Lima é um profissional de muita qualidade, e a partir de agora vamos aprofundar  nosso trabalho de parceria”.

Fernando Lima assume a superintendência do Instituto com a missão de continuar contribuindo para diminuição dos índices registrados no Acre de queima e desmatamento. Antes de integrar o quadro do Ibama, Lima estava à frente do Departamento de Gestão Técnica do Instituto de Terras do Acre (Iteracre), e era responsável pela coordenação de um dos projetos mais importantes do Governo do Estado, o de ordenamento territorial, regularização fundiária nas Zonas de Atendimento Prioritário (ZAP’s BR) na região de Tarauacá e Feijó.

“Este é mais um desafio em minha carreira. Sabemos que o Ibama tem papel fundamental na preservação do meio ambiente. Assumo com a missão de cuidar do trabalho que já vinha sendo desenvolvido na gestão passada, e para fortalecer as parcerias com os órgãos federais e Governo do Estado. As ações de monitoramento e controle são nossas prioridades”.

O presidente do Ibama, Abelardo completou dizendo que o trabalho do órgão será cada vez mais efetivo no Acre, até o final desde ano pelo menos 40 operações serão desencadeadas com a proposta de monitorar e controlar os processos de queima e desmate. “Os números revelam a redução destes índices, e para continuar evoluindo precisamos investir nestas operações”.

Durante a solenidade de posse José Machado, secretário executivo do Ministério do Meio Ambiente falou da satisfação em vir pela primeira vez ao Acre. Segundo ele o fato do Estado ser o berço de pessoas com prestígio nacional, como Chico Mendes e Marina Silva, instiga a vontade de conhecer um pouco mais da cultura e dos costumes da terra.

“Estou maravilhado com Rio Branco. Mais pessoas deveriam conhecer o Estado, rico em diversidade e que desenvolve um modo peculiar as políticas públicas ambientais”, disse José Machado.

Convidado pelo governador o secretário executivo percorreu as ruas do centro de Rio Branco desde a Biblio-teca Pública, passando pelo Memorial dos Autonomistas e pelo Palácio Rio Branco, até chegar ao Mercado Velho, onde pode conhecer o Rio Acre. (Agência Acre)

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation