TRE reúne entidades para organizar referendo do fuso horário

O desembargador Arquilau de Castro Melo, presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), reúne às 16h desta quarta-feira, 30, representantes de entidades da sociedade civil organizada para debater as regras da campanha para o referendo sobre o fuso horário do Acre que será realizado no dia 30 de outubro.

arquilau_horario
Arquilau informa que as entidades, exceto partidos políticos, poderão organizar comitês a favor ou contra a mudança do fuso horário. Entre as entidades convidadas para a reunião, o Sindicato dos Urbanitários já se posicionou contra a recente alteração do horário legal promovida no Acre. De acordo com o diretor de Políticas Sociais do Sindicato, Mauro Bezerra, embora a diretoria já tenha se posicionado, uma campanha pró ou contrária ao novo fuso será debatida em assembléia da categoria.

No referendo, o eleitor terá que responder à pergunta: “Você é a favor da recente alteração do horário legal promovida no seu Estado?”. Caberá aos comitês o trabalho de convencimento do eleitorado para que se posicionem contra ou a favor. Para tanto, o TRE vai requisitar horários iguais no rádio e na TV para o período de 4 a 29 de outubro, quando os comitês poderão divulgar suas mensagens gratuitamente.  (Assessoria)

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation