Gazetinhas 01/07/2010

* Vai Brasil!

* Brasileiro é cheio das histórias.

* Já andam dizendo que amanhã a seleção vai perder para a Holanda só para poder ganhar a Copa em 2014 que será realizada no Brasil.

* É a teoria da conspiração.

* Alegam, inclusive, que o Brasil perdeu para a França numa negociata para realizar o mundial aqui.

* Bando de linguarudos!

* Ô raça!

* 22 mil bolsas família são pagas em Rio Branco.

* Segundo a secretária de Assistência Social, Estefânia Pontes, da prefeitura, o menor benefício é de R$ 60,00.

* Se calcularmos cada benefício por quatro, teremos 88 mil pessoas na cidade abaixo da linha da pobreza.

* É muita gente!

* Ainda bem que a ZPE, Zona de Processamento de Exportação, foi aprovada para o Acre.

* Com os incentivos fiscais para a ZPE, espera-se que várias empresas se instalem por aqui.

* Aí sim, teremos oferta de empregos na quantidade que precisamos para tirar as pessoas dessa linha miserável.

* Mesmo assim, é só dar uma olhada nos classificados dessa A GAZETA para verificar quantas ofertas de empregos são oferecidas.

* Precisa-se de mecânicos, vendedores, cabeleireiros, administradores, operador de caixa, analista de cobrança, manicures, agentes funerários etc.

* Ou o salário que estão oferecendo é muito pequeno ou as pessoas não estão qualificadas para trabalhar.

* Aliás, os cursos que o Senac oferecem estão tão caros que uma pessoa de baixa renda não consegue pagar.

* Os cursos técnicos particulares também são muito caros. Coisa para filho de rico.

* As escolas técnicas precisam funcionar o mais rápido possível. É grande a demanda e o mercado está precisando de gente qualificada.

* Dia desses, uma linguaruda me contou que a babá do seu filho não sabia nem escaldar uma mamadeira.

* Aí, não dá!

* Julho chegou. E as queimadas urbanas também.

* Em média os bombeiros estão apagando 15 incêndios em terrenos baldios por dia.

* Tenente coronel Gundim, do Corpo de Bombeiros, reclamou com a “Boca no Microfone”, na GAZETA FM, que existem muitos hidrantes em Rio Branco mas apenas três funcionam.

* Outra reclamação é com relação às ruas da periferia que estão intrafegáveis e dificultam o trabalho dos bombeiros.

* Ruas esburacadas dificultam muita coisa.

* Dificulta o trabalho da polícia, do Samu, dos bombeiros e da população que precisa ir e vir.

* Substituta – Eliane Sinhasique.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation