Vítima de assalto reage e com ajuda de populares prende assaltante armado

O representante comercial Lafaete Pacheco de Oliveira, 47 anos, foi vítima de assalto na noite de quarta-feira, 21, quando saía de um comércio localizado a cerca de 50 metros de distância da delegacia da 2ª Regional na Rua 24 de Janeiro, Segundo Distrito da cidade.

Segundo informações da vítima, dois homens armados o renderam e com ameaça de morte teriam pegado a chave de sua moto.

Antes de sair com a moto, um assaltante mandou que Lafaete se ajoelhasse. Quando a vítima ficou de joelhos no meio da rua o criminoso teria aplicado uma coronhada na sua cabeça.

Ao perceber que pessoas passavam na rua, a vítima agarrou o assaltante e passou a lutar com ele na tentativa de fazê-lo soltar a arma.

Quando os dois lutavam o assaltante conseguiu efetuar um disparo. Neste momento, várias pessoas que perceberam o assalto correram na direção dos assaltantes. Um conseguiu fugir e o outro foi detido por populares.

A vítima foi socorrida e encaminhada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do 2° Distrito e o acusado de assalto, Klyciomar Rocha Pereira, 20 anos, foi entregue à polícia.

Encaminhado à Delegacia de Flagrantes (Defla), o assaltante confessou o crime, mas alegou que não tinha intenção de matar a vítima e que a arma disparou no momento da luta corporal entre eles.

Segundo informações da polícia, Klyciomar já tem passagem por tentativa de homicídio e é usuário de drogas. O comparsa dele já foi identificado.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation