Disque Denúncia do TRE do Acre já recebeu mais de mil ligações

Criado em julho pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Acre, o serviço de Disque Denúncia Eleitoral já recebeu 1.220 ligações e vai funcionar sem interrupção até o fim da apuração dos votos neste domingo (3). Os eleitores poderão denunciar boca-de-urna, compra de votos e outras irregularidades eleitorais.
Disque_denuncia
De acordo com o coordenador do serviço, o juiz eleitoral Romário Faria, a maioria das denúncias está ligada à propaganda irregular e corrupção eleitoral. Também estão na lista denúncias de uso da máquina pública a serviço de candidatos.

O serviço é uma parceria entre o TRE, o Ministério Público Federal e a Polícia Federal. Com a proximidade das eleições, o fluxo de ligações aumentou nos últimos dias, segundo Faria. As denúncias recebidas são apuradas in loco, e, em caso de confirmação de irregularidade eleitoral, o caso é encaminhado à polícia para investigação.

“Algumas das denúncias que recebemos aqui já resultaram em inquéritos e até em representação que levou à cassação de registro de um candidato”, contou o juiz.

Os eleitores de Rio Branco que forem detidos em flagrante amanhã por crime eleitoral serão levados para uma quadra de esportes de uma escola ao lado da sede da Polícia Federal. Além dos flagrados fazendo boca-de-urna, os casos de compra de votos e de transporte ilegal de eleitores também serão levados ao local. (Agência Brasil)

 

 

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation