Em noite de Nilton Goiano, Plácido goleia o Independência FC

Para muitos torcedores que ficaram para o jogo de fundo, na rodada dupla do estádio Arena da Floresta, pode até imaginar que se tratava de um treino de ataque do Plácido contra a defesa do Independência. No final o placar não poderia ser diferente, com a goleada do Plácido de Castro, por 7 a 0, sendo cinco deles com o atacante Nilton Goiano.

Batalhador, disputando todas e o homem de referência, Nilton Goiano marcou a marca inédita de cinco gols em um único jogo e só não fez o sexto porque o chute que tinha endereço certo e a bola já estava na linha de gol, o meia Renan Carioca meteu o bico, trazendo para si a autoria do gol.

Enquanto todas as atenções se voltaram para o campo, no camarim destinado ao Independência, Gualter Craveiro observava, acompanhado do presidente Honorário, o “Macapá”, o trabalho que teria para conseguir reverter a situação do Tricolor de Aço. O primeiro reforço é o atacante Neto, atualmente treinando no Rio Branco, mas já confirmado o empréstimo, até mesmo para dar ritmo para a jovem promessa.

Para piorar o panorama em campo do Tricolor, aos 40 minutos da etapa inicial, Rivaldo que entrara aos 27 minutos, acabou recebendo o segundo cartão amarelo, sendo expulso. Com 10 em campo e uma das piores atuações do Independência, mesmo sofrendo sete gols, o melhor em campo do Tricolor ainda foi o goleiro Vanesso.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation