Produtores rurais poderão fazer cursos pela internet

Trabalhadores de áreas rurais do Estado terão mais uma ferramenta para melhorar a produção e a qualidade de vida em suas propriedades. A iniciativa do programa de ensino à distância do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) pretende beneficiar produtores de todo Estado com cursos on-line gratuitos divididos em 4 programas: Inclusão Digital, Qualidade de Vida, Escola do Pensamento Agropecuário e Empreendedorismo e Gestão de Negócios.

A Federação de Agricultura do Acre (Faeac) começa nesta semana contato com os 10 sindicatos rurais do Estado, a fim de formalizar parcerias para o acesso dos trabalhadores ao ensino à distância. No stand do Senar na Expoacre, representantes de sindicatos, associações rurais e produtores poderão obter mais informações no Núcleo para a Inclusão Rural. 

Para participar dos cursos é necessário preencher um cadastro e efetivar a matrícula. Cada um dos 4 programas oferece diversos cursos na área afim e após a conclusão.

No programa Inclusão Digital, por exemplo, o aluno pode escolher entre 6 opções de cursos de iniciação ao uso do computador e internet. No de Qualidade de Vida, está disponível o curso de Saúde Rural. O programa Escola do Pensamento Agropecuário: Meio Ambiente, Abastecimento e Renda, Trabalho Decente, Educação e Qualificação Profissional, Pobreza Rural e Direito de Propriedade; e o programa Empreendedorismo e Gestão de Negócios oferece o curso Com Licença eu Vou à Luta. Mais informações também podem ser obtidas na página do Senar: www.canaldoprodutor. com.br/eadsenar

Assuntos desta notícia


Join the Conversation