Novenário faz multidão tomar ruas de Cruzeiro do Sul

A segunda festa religiosa mais concorrida da Região Norte é a procissão de Nossa Senhora da Glória. Só perde em quantidade de pessoas para o Círio de Nazaré de Belém. Na segunda à noite, mais de 30 mil pessoas, peregrinaram pelas ruas e ladeiras de Cruzeiro do Sul seguindo o andor da sua padroeira. Com quase 100 anos de tradição a procissão atraí fiéis de todo o Acre e de outros lugares do Brasil. A devoção católica pelo poderes milagrosos de Nossa Senhora da Glória está mais viva do que nunca. Pessoas de muletas, cadeiras de roda, descalças, vestidas com o manto azul da Santa expressaram a sua devoção com velas acesas e cânticos durante as quase duas horas de caminhada.
Novenario1
Na descida do Morro da Glória em direção a Catedral a rua se transforma num tapete aceso com as milhares de velas nas mãos levantadas dos fiéis. É o ápice da procissão quando a noite substitui o entardecer e os cantos e as orações se tornam mais fortes. Alguns se ajoelham para fazerem os seus pedidos ou para agradecerem. A encosta do Morro se acende com as velas que são plantadas nas suas reentrâncias. A mistura de luz e devoção inspirada pelos cânticos emociona os peregrinos que seguem Nossa Senhora da Glória de volta ao seu altar.

Antonio Ferreira, de 68 anos, caminha descalço há três anos seguindo a procissão. Ele está pagando uma promessa por ter sido curado de hepatite. Emocionado conta que desde que alcançou a graça de ter recebido a sua saúde se tornou um devoto fervoroso de Nossa Senhora da Glória. O casal Maria das Graças, de 56 anos e, o seu esposo, José de Paiva, de 62, participam da procissão há 30 anos; “A religiosidade na nossa família é o elo que une todos. É durante a procissão que pedimos a intercessão de Nossa Senhora para que os nossos filhos e neto consigam alcançar os seus objetivos de vida e tenham muita saúde”, diz a professora.    

Para o Bispo da Arquidiocese Dom Mosé Pontelo, a procissão recebeu mais fiéis neste ano. “As comunidades católicas têm respondido ao chamado da fé e o número de pessoas cresce todos os anos. Isso é uma prova de que a devoção e o amor a Nossa Senhora da Glória continua a ser uma tradição forte para a população do Juruá”, afirmou .

Novenario22
A fé dos políticos  
Políticos de todas as tendências ideológicas também freqüentam a procissão. O governador Tião Viana (PT), o vice César Messias e o prefeito Wagner Sales (PMDB) participaram este ano da peregrinação. A deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB), que já foi freira em Porto Walter, também esteve na procissão. Indagada que tipo de graças estaria pedindo à Santa, Perpétua respondeu: “Saúde para a minha família e prosperidade aos acreanos”, disse ela. Insistindo um pouco mais na pergunta para a parlamentar se ela pediria a proteção para os seus projetos políticos Perpétua dispara: “Não peço nada de política para Nossa Senhora porque tenho medo de ser castigada”, responde com humildade.

O governador Tião Viana, que é católico, participa da procissão todos os anos desde quando ainda era apenas médico. “Este ano a festa foi ainda mais bonita. A comunidade regional está aumentando e a demonstração de fé das pessoas é emocionantes”, disse ele. O prefeito de Cruzeiro do Sul, Wagner Sales (PMDB) declarou: “essa é uma noite para a renovação do espírito. Isso é importante para que possamos fazer um trabalho com lucidez. É a festa da fé e quem vem aqui é para orar”, ressaltou.  

Assuntos desta notícia


Join the Conversation