Novo golpe da lista telefônica é aplicado em Rio Branco

Um golpe bastante conhecido da população está sendo aplicado no Acre com um novo formato usando a lista telefônica como pretexto. Uma pessoa entra em contato com a empresa com a intenção de atualizar os dados cadastrais e afirma que necessita de confirmação por fax. O documento é encaminhado com rasuras e borrões e os falsos atendentes garantem que isto não tem importância visto que o objetivo é somente a renovação dos dados que serão publicados na referida lista.

A tentativa de fraude poderia ser rapidamente identificada caso não tivesse como alvo as empresas, nas quais o fluxo de pessoas e interferências externas é bem maior. Foi o que aconteceu com um escritório de arquitetura de Rio Branco. No momento da abordagem, o funcionário realizava mais de uma tarefa e não questionou a veracidade da consulta. Os dados atualizados e enviados por fax tinham a assinatura de Washington Souza, que chegou a informar à suposta atendente de que não respondia formalmente pela empresa.

Alguns dias depois, a empresa recebeu um novo fax desta vez da assessoria de cobrança Assecred informando que, por descumprir o acordo de pagamento, teria o nome incluído no Cadastro Nacional de Protesto e que teria oito horas para efetuar a quitação do débito. A dívida no valor de R$ 3.924,00 poderia ser parcelada em 12 vezes. Neste momento, a tentativa de extorsão que utiliza o nome da empresa Anunciclass havia sido confirmada. Exatamente uma semana depois um outro fax anunciava o envio dos dados do escritório no SPC e Serasa.

Segundo pesquisas feitas pelo funcionário envolvido, a Anunciclass tem cadastro de FGTS na Caixa Econômica Federal. Ele supõe que o nome tenha sido clonado. “No segundo contato por telefone disse que já sabia do golpe e avisei que a polícia teria sido acionado. Ela desligou o telefone e aí tive certeza”, conta Washington. Outro caso da aplicação do golpe foi relatado aos funcionários da empresa depois de um deles ter publicado o fato em seu perfil em uma rede social. Washington afirma que o endereço da empresa Anunciclass que possui página na internet não é o mesmo descrito pela pessoa que entrou em contato com ele.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation