Walter Prado diz que carros roubados no Acre são trocados por droga na Bolívia

O deputado Walter Prado (PDT) chamou a atenção das autoridades policiais na sessão de ontem da Aleac para a ação de bandidos que estão roubando carros no Acre e levando para a Bolívia. Ele lembrou que existem casos em que os veículos roubados estão sendo utilizados como ‘moeda de troca’ em cidades bolivianas.

“A minha preocupação é que esses carros são levados para a Bolívia e lá são trocados por drogas. Isso é algo muito preocupante. Precisamos agir com rigor contra esse tipo de crime, pois a nossa população está sendo prejudicada”, afirmou.

Para o parlamentar, é preciso a união de esforços dos órgãos da Segurança Pública do Estado e do Governo Federal, para evitar que os bandidos continuem agindo com ‘tranquilidade’.

Entre outras coisas, ele sugere uma maior fiscalização das polícias Rodoviária Estadual e Federal, nas barreiras ao longo da BR 364, estrada que liga Rio Branco aos municí-pios de Brasiléia e Assis Brasil.

“Seria interessante a elaboração de uma portaria com regras sobre a fiscalização. Outras vezes já sugeri que os policiais devem exigir a apresentação do documento do veículo e habilitação. Se o carro pertencer a um terceiro, que seja apresentada uma procuração. Assim vamos evitar que mais veículos sejam levados para a Bolívia”, explicou.  

Walter Prado pediu apoio da Mesa Diretora da Aleac no sentido de cobrar mais ações junto aos órgãos de Segurança Pública e também o apoio da bancada federal.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation