Câmara de Cruzeiro do Sul vai decidir futuro político de vereadores presos nos próximos dias

Veredores CruzeiroO futuro político dos vereadores Francisco Ribeiro da Silva (PSD), Nicolau Alves de Freitas (PMDB), deve ser decidido nos próximos dias. A Mesa Diretora da Câmara de Cruzeiro do Sul aguarda pronunciamento da Justiça para definir sobre a situação dos dois parlamentares, que estão presos desde o dia 12 de abril.

De acordo com presidente da Mesa Diretora da Câmara de Cruzeiro do Sul, Raimundo Celso Lima (PMDB), nenhuma decisão será tomada sem que a situação dos dois seja definida pela Justiça.

“Nós estamos aguardando que se complete 30 dias da prisão preventiva deles. Vamos esperar uma decisão da Justiça para que possamos tomar uma decisão sobre o futuro dos dois vereadores”, afirmou.

Os dois foram presos acusados de receber ilegalmente parte do pagamento de assessores. Advogados que atuam na defesa dos dois vereadores tentam na Justiça o relaxamento da prisão.

Enquanto os vereadores continuam presos, o clima na Câmara de Cruzeiro do Sul é de insegurança por parte dos vereadores. As sessões que são realizadas duas vezes por semana praticamente não estão acontecendo.

Caso continuem presos, a Câmara pode abrir um processo para a cassação dos dois vereadores, que mesmo no presídio, continuam recebendo seus salários.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation