Pular para o conteúdo

Socioeducandos cultivam horta com técnicas ambientais

Biólogo ensina novas maneiras de fazer agricultura. Horta do Casef tem formado de pizza Foto Brenna Amâncio ISE Para dar continuidade ao Projeto Verde, além da Uninorte, o Instituto Socioeducativo (ISE) também fechou parceria com o Instituto Federal do Acre (Ifac). Nesta quarta-feira, o biólogo André Almeida palestrou sobre técnicas para melhorar o aproveitamento da horta aos universitários e alunos do Ifac, no Centro de Apoio à Semiliberdade, ao Egresso e à Família (Casef).

 No primeiro semestre de 2013, acadêmicos da Uninorte iniciaram o Projeto Verde com os adolescentes em medida socioeducativa de semiliberdade. Eles aproveitaram o espaço da unidade socioeducativa para praticar a agricultura.

 O objetivo é repassar os conhecimentos adquiridos com o biólogo para os socioeducandos. A permacultura, que é um sistema de design para a criação de ambientes humanos sustentáveis, foi avaliada como objeto de pesquisa e deverá ser usada para humanizar os espaços do Casef.

 A princípio, os adolescentes não se empenharam muito na construção da horta tradicional, que possui um formado retangular. No entanto, a partir do momento em que os instrutores implantaram a permacultura, surgiu um interesse instantâneo, revela o biólogo André Almeida. “No Casef estamos trabalhando a horta no formato de pizza. É um trabalho ousado e diferente, que além de embelezar o local, cultiva verduras usadas na alimentação dos jovens em medidas socioeducativas”.

 De acordo com o assistente social Antônio Azevedo, essa prática também convida os adolescentes a uma reeducação alimentar. “Quando o produto está bom para colheita, os meninos retiram e levam para as suas famílias. É algo saudável e que serve de terapia”, explica.

 Segundo o presidente do ISE, Henrique Corinto, essa parceria é  um complemento ao trabalho já realizado dentro da unidade. “Todo conhecimento na área da Biologia que for adquirido irá acrescentar na vida desses jovens lá fora. Esperamos que esse seja o primeiro de muitos projetos realizados nas unidades socioeducativas. Todos são convidados a fazer parceria”, declara.

 Projeto Verde – Acadêmicos do último período do curso de Biologia, da Uninorte, elaboraram um plano para ser desenvolvido dentro do Casef, em abril deste ano.

 O Projeto Verde é dividido em duas etapas: primeiro a teórica, por meio de palestras sobre saúde coletiva, dengue e Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST’s). O objetivo é fazer a prevenção dentro da unidade socioeducativa.

 Na segunda etapa, os socioeducandos podem desenvolver o pomar, a horta e o jardim, utilizando conhecimentos adquiridos com a equipe.

 De acordo com o universitário Luiz Marinho, ao término do projeto com a primeira turma de acadêmicos, outros darão continuidade ao trabalho, com a manutenção e apresentação de novas palestras. (Brenna Amâncio / Assessoria ISE)