Pular para o conteúdo

Goleiro acreano inicia disputa da final da Copa do Brasil contra o Flamengo

O primeiro jogo da final da Copa do Brasil entre Atlético-PR e Flamengo será nesta quarta-feira (20), a partir das 18h50 (horário do AcrE), no Durival Britto. Em campo, o goleiro acreano Weverton, do Furacão, tem a oportunidade de levantar, pela primeira vez na história, um título da competição. O jogo de volta está marcado para o dia 27, no Maracanã.

O técnico Vagner Mancini comandou, na tarde desta terça-feira, o último treino visando a final da Copa do Brasil contra o Flamengo. As principais novidades devem ser nas laterais. No último jogo, os 4 a 0 para o Botafogo, pelo Brasileirão, Jonas tinha sido o titular na direita, e Juninho, na esquerda. Mas o antigo titular Pedro Botelho está recuperado de lesão na coxa, já treina com o grupo e pode voltar à lateral esquerda. Com isso, o volante Juninho pode ser deslocado para a direita, e Jonas começaria o jogo no banco de reservas.

Outra dúvida é no meio-campo. O volante João Paulo não participou do treino e é dúvida. Zezinho é a outra opção para a vaga. Um provável Furacão tem, no 4-4-2, Weverton; Juninho (Jonas), Manoel, Luiz Alberto e Pedro Botelho (Juninho); Deivid, Zezinho (João Paulo), Everton e Paulo Baier; Marcelo e Ederson. Depois da atividade, Vagner Mancini vai conceder entrevista para a imprensa no CT do Caju. Mas a divulgação ofi-cial dos 11 titulares sairá mesmo só minutos antes do duelo contra o Rubro-Negro carioca.

O Flamengo finalizou sua preparação para a primeira partida da final da Copa do Brasil com um trabalho parcialmente fechado à imprensa no estádio Olímpico, em Porto Alegre. O técnico Jayme de Almeida realizou um trabalho por 1h20m sem a presença de jornalistas, e estes só puderam entrar quando os jogadores já treinavam cobranças de pênaltis e falta. A maioria dos titulares descansava no banco de reservas da antiga casa do Grêmio, que passa por processo de demolição e serviu de base para o Rubro-Negro desde segunda-feira.

O Flamengo deve ir a campo com Paulo Victor (Felipe), Léo Moura, Chicão, Wallace e André Santos; Amaral, Luiz Antonio, Elias e Carlos Eduardo; Paulinho e Hernane. (Globoesporte.com)