Casa desmorona e cai no Rio Acre

 Ainda assustada, a viúva Maria Fidelis da Silva, 78 anos, agradece a Deus pela vida dos filhos. Mas, ao lembrar das dificuldades para fazer a casa e comprar os móveis a emoção toma de conta e em lágrimas ela relata que o filho ficou com a roupa do corpo, após a casa cair no Rio Acre na tarde de terça-feira, 4, na rua Epaminondas Jácome, no bairro Cadeia Velha.

O Corpo de Bombeiro foi acionado depois que a família ouviu a casa ‘estalar’. Homens da Defesa Civil também estiveram no local para ajudar a retirar os móveis de dentro do local. Dona Maria Fidelis acredita que o acidente só aconteceu por falta de manutenção.

“Acredito que por não ter tido reforço na estrutura que sustentava a casa nos últimos anos, isso aconteceu. Meu filho saiu de casa minutos antes. Foi um susto grande. Moro aqui há 30 anos e a água nunca chegou a minha casa, mas por ela ser muito pequena, construí dois quartos para meus dois filhos, agora nem sei mais o que fazer”, relata a viúva.

 O temor dos moradores vizinhos é que o desbarrancamento atinja as casas próximas. Além da falta de manutenção, o processo de erosão pode ter contribuído para o acidente. Quando Rio Acre está em seu nível normal, não é difícil encontrar verdadeiros barrancos que parecem engolir a encosta, onde moram centenas de pessoas.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation