Antonia Sales teme cobraça exorbitante de produtos alimentícios por conta da cheia no Madeira

 antioniamadeira
A deputada Antonia Sales (PMDB) pediu que o Procon/Acre fique alerta quanto ao aumento abusivo, por parte de alguns comerciantes, do preço de alguns produtos da cesta básica. A parlamentar teme os estoques sejam mantidos, mas que seja repassada a ideia de que haja desabastecimento tendo como justificativa a cheia no Rio Madeira e com isso o fechamento da BR-364.

“Quero dizer que hoje você conta as latinhas nas prateleiras. Eu alerto aqui para que depois essas mercadorias não sejam guardadas e com a alta dos produtos básicos as pessoas não sejam penalizadas. Recomendo que o Procon fique atento”.

 Ainda em seu discurso, ela cobrou que, os pronunciamentos dos deputados sejam retransmitidos em tempo real. Ela pediu esclarecimentos da Mesa Diretora para o assunto.  Segundo a parlamentar há uma cobrança da sociedade que acompanha as sessões via internet.

 A parlamentar também se solidarizou com o Estado de Rondônia e acrescentou que o momento é de união. Disse, também, que ao contrário da Capital, em Cruzeiro do Sul, o prefeito Vagner Sales (PMDB) tem garantido as pessoas vítimas da alagação, abrigo na casa de parentes. Para ela, essa alternativa reduz os impactos que essas famílias sofrem com as cheias dos rios na Amazônia. “Lá o prefeito Vagner dar o dinheiro para que eles se dirijam para as suas famílias. Daquela maneira o povo se manifestou e aceitou essa ideia”.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation