Pular para o conteúdo

Walter Prado pede informações sobre índices de crimes praticados contra mulheres no Acre

O deputado Walter Prado (PEN) apresentou um requerimento à Mesa Diretora pedindo que seja encaminhado ofício ao Instituto Médico Legal para que seja apresentado os dados estatísticos referentes aos crimes praticados contra as mulheres. O parlamentar disse que isso faz parte de um levantamento feito pelo PROS Mulher.

A ideia é acompanhar os índices de crimes praticados no Brasil, para que leis específicas sejam elaboradas para o combate dessa prática. Segundo o deputado, a prevenção ainda é a melhor forma de evitar o avanço da criminalidade. Ele pediu empenho das forças de Segurança Pública do Estado no sentido de buscar alternativas de prevenir, ao invés da repressão.

Ainda de acordo com ele, após receber as informações que devem ser repassadas pelo IML, o parlamentar disse que buscará junto ao Ministério Público averiguar se os registros no instituto de criminalística se transformaram em processos criminais.

“A ideia é verificar se esses crimes contra essas mulheres estão sendo apurados pelo Ministério Público. O PROS nacional se preocupa com as mulheres e isso é uma determinação da nossa presidenta Deise. A prevenção é a melhor forma de combater  o crime. Eu não posso me calar diante disso”.

O parlamentar também abordou a recuperação da BR-364, no trecho que liga Rio Branco a Sena Madureira. Disse que o recapeamento é de ‘péssima qualidade’, pois está sendo feito com barro apenas. Ele pediu esclarecimentos ao Dnit e destacou que as obras federais deveriam ser informadas aos parlamentares estaduais, pois se trata de recursos públicos, embora que federais.