Deputada Eliane Sinhasique questiona alto preço do peixe produzido no Acre

 A deputada estadual Eliane Sinhasique (PMDB) questionou os valores cobrados nos peixes produzidos pela empresa Peixes da Amazônia. A empresa recebeu investimentos do Governo na ordem de 80 milhões de reais.

“Estou muito preocupada com a Peixes da Amazônia porque houve um investimento do Governo muito alto e o que a gente esperava era que os peixes da Peixes da Amazônia chegasse aos supermercados por um preço acessível para a população”, declarou.

A deputada elogiou o empreendimento, mas questionou os valores que estão sendo cobrados. “O quilo da costelinha de tambaqui está saindo a R$30. Pobre não vai poder comer peixe na semana santa. A sensação é que se está comendo bacalhau porque esse peixe está muito salgado para o bolso do acreano”.

Eliane critica ainda um possível direcionamento do produto para a rede de supermercados Araújo. “Aquela estrutura enorme só consegue fornecer peixe para o Araújo? Será que não consegue fornecer para o Pague Pouco, para o Dayane, para o Gonçalves? Não está tendo peixe suficiente para abastecer o supermercado?”, questionou.

 

Assuntos desta notícia