Pular para o conteúdo

Servidores do INSS promovem ato no Centro nesta terça-feira, 21

 Em greve desde o dia 10 de julho, os servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) realizam nesta terça-feira, 21, um ato na praça da Revolução, no Centro de Rio Branco. No Acre, todas as agências do órgão estão com o atendimento comprometido. Apenas uma parte das perícias médicas está sendo realizadas e de acordo com informações, existe uma possibilidade de que os peritos médicos também entrem em greve a partir de quarta-feira, 22.

De acordo com o presidente do sindicato dos Servidores Públicos Federais no Acre (Sindsep-AC), Ângelo Augusto, a greve afeta 100% das agências em todo o Estado. “As negociações estão bem avançadas em Brasília, inclusive, haverá uma reunião nesta terça-feira que definirá algumas das nossas pautas junto ao ministério da previdência”, confirmou o presidente.



A categoria reivindica reposição salarial de 27%, gratificação de 30%, além de melhores condições de trabalho e contratação imediata de servidores. Até o momento o governo ofereceu 21,3%, divididos em quatro parcelas anuais.

De acordo com o sindicato, em julho foram atendidas mais de 9 mil pessoas, uma demanda que o servidor Kennedy Afonso acha superior ao número de pessoal. “Se tivéssemos uma agência em cada município a demanda seria diluída e os servidores da capital não estariam sobrecarregados de trabalho”, destacou o servidor.

O INSS foi responsável por injetar mais de R$ 77 milhões na economia do Estado, no último mês, apontou o presidente do sindicato. “Imagina se tivesses em cada município uma agência do INSS? Para que as pessoas tenham acesso a seus direitos”.

Em comunicado, o Ministério da Previdência Social diz “que tem baseado a relação com os servidores no respeito, no diálogo e na compreensão da importância do papel da categoria no reconhecimento dos direitos da clientela previdenciária e, por isso, mantém as portas abertas às suas entidades representativas para construção de uma solução que contemple o interesse de todos”.

O INSS também informa que as datas de atendimento serão remarcadas pela própria agência e que as dúvidas podem ser esclarecidas pela central do telefone 135.  Em nota, o órgão informou que considerará a data originalmente agendada como a de entrada do requerimento, “de modo a evitar qualquer prejuízo financeiro nos benefícios dos segurados”.

INSS - OL  (2)

Fotos:Odair Leal/A GAZETA
Fotos:Odair Leal/A GAZETA
error: Conteúdo protegido!!!