Pular para o conteúdo

Gazetinhas 14/10/2015

*Nada como um dia após o outro e a Força Nacional no meio…

*Ufa!



*E uma nova semana começa com a tranquilidade de volta a reinar na Capital acreana.

*Após os últimos dias de muita tensão, o feriadão transcorreu tranquilo e até com menos ocorrências policiais do que as registradas normalmente nestes períodos.

*Na edição desta terça-feira do Diário Oficial, a autorização do ministro da Justiça para a permanência dos oficiais da Força Nacional no Estado, pelo menos até o próximo dia 6 de novembro.

*A medida foi solicitação do governador Tião Viana, assim que os ataques começaram.

*E, dessa vez, o Governo Federal agiu surpreendentemente rápido para atender a demanda.

*Além dos 27 homens que já estavam no Acre, atuando nas regiões de fronteira, mais 16 foram prontamente enviados para reforçar o trabalho da Segurança Pública.

*E, aliado às demais forças policiais locais, o resultado apareceu ágil e eficiente, como sempre deveria ser.

*Uma boa prova de que as estratégias, de fato, funcionam quando há as condições necessárias para concretizá-las.

*Enfim…

*Vamos em frente.

*Entre os comerciantes, o clima não é lá dos melhores, feitos os balanços de vendas do último ‘Dia das Crianças’.

*Confirmando-se as previsões pessimistas, o comércio varejista teve o pior resultado de vendas dos últimos seis anos, segundo pesquisas realizadas no país.

*Considerando que o Dia das Crianças é a última data comemorativa antes do Natal e funciona como tendência para as vendas do final de ano, as conjecturas não são das melhores.

*Tá sofrido, tá de lascar.

*Ainda sobre o Dia das Crianças, leitora Antônia de Sá manda email elogiando a reportagem no caderno especial de A GAZETA, publicada na edição do último domingo.

*Ela diz que ficou comovida com a história da família do Caladinho, na qual a jovem Maria Inês, de 25 anos, mãe de quatro filhos, desempregada, lamentou a impossibilidade de presentear os filhos em mais uma data comemorativa.

* “Cinco pessoas dormindo num mesmo colchão! Sobrevivendo do Bolsa Família! É isso que o governo petista considera tirar da linha da miséria? É de cortar o coração”, lastimou Antônia.

*Triste demais mesmo.

*Enquanto isso, na “política” local, mais um candidato “famoso” coloca o nome à disposição para concorrer à vaga de deputado ou senador (!), nas eleições de 2018.

*Direto do reality show ‘A Fazenda’, o modelo acreano Marcelo Bimbi revelou o sonho de entrar para política e “mostrar o homem que é para o seu povo”.

*Socorro!

*Chamem o dr.Ray, por favor.

error: Conteúdo protegido!!!