Jogo de ida: Rio Branco enfrenta Paysandu hoje na Copa Verde

Caldeirão da Curuzu é o palco do duelo em Belém. (Foto: Divulgação)
Caldeirão da Curuzu é o palco do duelo em Belém. (Foto: Divulgação)

Vale vaga na semifinal da Copa Verde. Paysandu e Rio Branco iniciam o confronto nesta quinta-feira, 7, a partir das 19h30 (do Acre), na Curuzu, em Belém. O jogo será transmitido ao vivo pela Rádio Difusora Acreana, Rádio Clube do Pará e na TV paga (Esporte Interativo).

Para o Estrelão do Acre, o início de uma maratona de jogos decisivos em abril. Depois de vencer o Atlético Acreano por 1 a 0, no último fim de semana, e conquistar o primeiro turno do estadual, o time comandado pelo técnico João Carlos Cavalo foca na competição que dá vaga na Sul-Americana de 2017.

O Rio Branco entra em campo com um retrospecto negativo diante do Papão em Belém. Em cinco jogos na história, nenhum triunfo contra o Bicolor. E para quebrar essa escrita, o Alvirrubro aposta no bom momento que passa. São seis vitórias e um empate no estadual, ainda invicto. A única derrota nesta temporada foi contra o Genus/RO, por 2 a 1, na partida de ida da primeira fase da Copa Verde. O time rondoniense foi eliminado por usar um jogador irregular e não houve confronto de volta.

Para conseguir manter as chances de classificação para o segundo jogo, o técnico João Carlos Cavalo optou por escalar um time cauteloso. O 11 principal vai com: Babau (Fernando Pompéu); Cácio, Erick e Tiago Índio; Ley, Paulinho Pitbull, Roberto Dinamite, Delciney e Emerson Martins; Lucas Goiano e Rafael Tanque. O meio-campo Testinha será poupado. O volante Tárta, o meia Neném e o atacante Romarinho ficam como opções para o segundo tempo.

Papão com mudanças
Time da Série B do Campeonato Brasileiro e sempre favorito na disputa do Campeonato Paraense, o Paysandu pode voltar a ter alterações entre os titulares para enfrentar o Rio Branco em casa. Os meias Celsinho e Raphael Luz devem retornar ao time.

Por questões de lesões e de suspensões, o técnico Dado Cavalcanti tem enfrentado dificuldades para repetir escalações no Paysandu, o que tem prejudicado o time coletivamente.

Na última partida realizada, no último fim de semana, o Paysandu empatou com o Remo por 1 a 1, entrando em campo com Emerson; Roniery, Fernando Lombardi, Pablo e Lucas; Augusto Recife, Ricardo Capanema, Rodrigo Andrade e Bruno Smith; Fabinho Alves e Betinho.

Assuntos desta notícia